Percepções de gestores de um hospital universitário sobre a qualidade em saúde

Sâmia Jamylle Santos de Azevedo, Larissa Kelly Silva de Moura, Camila Matias Nascimento, Theo Duarte da Costa, Pétala Tuani Candido de Oliveira Salvador

Resumo


Objetivo: descrever as percepções de gestores de um hospital universitário sobre a qualidade em saúde. Método: trata-se de estudo do tipo descritivo, com abordagem qualitativa, realizado em hospital universitário do Nordeste do Brasil. A população de estudo foi composta por 60 gestores. Os dados foram coletados entre 2017 e 2018, a partir de entrevista semiestruturada. Realizou-se análise textual lexicográfica com suporte do software IRaMuTeQ. Resultados: foram analisados 593 segmentos de texto com elucidação das classes: “Influência do modelo de gestão”, “Ferramentas de gestão da qualidade”, “Concepções de qualidade em saúde” e “Ações de promoção em saúde”. Os gestores compreendiam que o modelo de gestão adotado influencia na assistência e, consequentemente, na qualidade do atendimento. Conclusão: verificou-se que os gestores relacionaram a qualidade à resolutividade do atendimento aos usuários, bem como a um bom relacionamento entre profissionais e à consequente melhoria no processo de trabalho.


Palavras-chave


Qualidade da Assistência à Saúde; Gestão da Qualidade; Gestão em Saúde; Hospitais; Organização e Administração

Referências


Melo WOS, Maia AES, Barracho AA, Ribeiro BP, Correa CJAG, Correa IG, et al. Gestão da qualidade na saúde. UNINGÁ Rev [Internet]. 2014 [acesso em 2020 fev 16];18(1):24-8. Disponível em: http://revista.uninga.br/index.php/uningareviews/article/view/1499

Maia ABB, Barbosa AB, Silva MNP, Branco LMGC, Rodrigues LMC, Melo TMTC. Compilação técnico-científica acerca da auditoria e gestão de qualidade: revisão integrativa. Rev Enferm UFPE On Line [Internet]. 2017 [cited from 2020 Feb 11];11:3(Suppl):1489-94. Available from: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/13993

Silva K, Moreira JAA, Vasconcelos LT, Oliveira LL, Coimbra CK. Gestão da qualidade total nos serviços de saúde: modelo gerencial em desenvolvimento. Rev Eletrônica Gest Saúde [Internet]. 2015 [acesso em 2020 fev 16];6(1):617-32. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/rgs/article/view/2589

Donabedian A. The definition of quality and approaches to its assessment: explorations in quality assessment and monitoring. Ann Arbor: Health Administration Press; 1994.

Camargo BV, Justo AM. Tutorial para uso do software Iramuteq: interface de R pour les analyses multidimensionnelles de textes et de questionnaires [Internet]. 2018 [acesso em 2020 jun 27]. Disponível em: http://iramuteq.org/documentation/fichiers/tutoriel-portugais-22-11-2018

Coelho ES, Cortez DCM, Rodrigues CN, Noronha FMF, Santiago LCP. Perfil dos gestores de Unidades Básicas de Saúde em São Luis-MA. Rev Investig Bioméd. 2016;7(1):43-52. doi: 10.24863/rib.v7i1.19

Silva LAA, Soder RM, Petry L, Oliveira IC. Educação permanente em saúde na atenção básica: percepção dos gestores municipais de saúde. Rev Gaúcha Enferm. 2017;38(1):e58779. doi: 10.1590/1983-1447.2017.01.58779

Andrade LEL, Lopes JM, Souza Filho MCM, Vieira Júnior RF, Farias LPC, Santos CCM, et al. Cultura de segurança do paciente em três hospitais brasileiros com diferentes tipos de gestão. Ciênc Saúde Colet. 2018;23(1):161-72. doi: 10.1590/1413-81232018231.24392015

Sousa P, Mendes W. Segurança do paciente: conhecendo os riscos nas organizações de saúde. Rio de Janeiro: Fiocruz; 2014.

Kawamoto AM, Oliveira JLC, Tonini NS, Nicola AL. Liderança e cultura de segurança do paciente: percepções de profissionais em um hospital universitário. Rev Pesq Cuid Fundam [Internet]. 2016 [cited 2010 Jan 20];8(2):4387-98. Available from: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/4530/pdf_1887

Flausino VS. Cultura e poder na organização hospitalar: as relações de poder na implantação da EBSERH em um hospital universitário [dissertação]. Uberlândia: Universidade Federal de Uberlândia; 2015. 135 p.

Paula RB. Desafios da gestão do HU/UFSC, após a criação da EBSERH pelo governo federal [dissertação]. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina; 2016. 316 p.

Mendes JDV, Bittar OJNV. Perspectivas e desafios da gestão pública no SUS. Rev Fac Cienc Med Sorocaba [Internet]. 2014 [acesso em 2020 fev 16];16(1):35-9. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/RFCMS/article/view/18597/pdf

Silva PL, Paiva L, Faria VB, Ohl RIB, Chavaglia SRR. Triage in an adult emergency service: patient satisfaction. Rev Esc Enferm USP. 2016;50(3):427-32. doi: 10.1590/S0080-623420160000400008

Alves KYA, Costa TD, Barros AG, Lima KYN, Santos VEP. Segurança do paciente na terapia intravenosa em unidade de terapia intensiva. Rev Pesq Cuid Fundam. 2016;8(1):3714-24. doi: 10.9789/2175-5361.2016.v8i1.3714-3724

Sousa LAO, Fonteles MMF, Monteiro MP, Mengue SS, Bertoldi AD, Dal Pizzol TS, et al. Prevalência e características dos eventos adversos a medicamentos no Brasil. Cad Saúde Pública. 2018;34(4):e00040017. doi: 10.1590/0102-311X00040017

Gomes ATL, Alves KYA, Santos VEP. Evidence on the safety of patients as victims of motorbike accidents in the light of Donabedian-proposed model. Rev Cuba Enferm [Internet]. 2017 [cited 2020 Feb 16];33(2):371-85. Available from: https://www.medigraphic.com/pdfs/revcubenf/cnf-2017/cnf172q.pdf

Giovanella L, Mendonça MHM, Fausto MCR, Almeida PF, Bousquat A, Lima JG, et al. Emergency supply of doctors by the Mais Médicos (More Doctors) Program and the quality of the structure of primary health care facilities. Ciênc Saúde Colet. 2016;21(9):2697-708. doi: 10.1590/1413-81232015219.16052016

Lourenço PJF, Cardoso IMMM, Matos FRN, Nodari CH. Cultura organizacional e qualidade em serviços em instituição de saúde pública portuguesa. Rev Pensam Contemp Adm. 2017;11(4):120-35. doi: 10.12712/rpca.v11i4.1001

Albuquerque C, Martins M. Indicadores de desempenho no Sistema Único de Saúde: uma avaliação dos avanços e lacunas. Saúde Debate. 2017;41(N Esp):118-37. doi: 10.1590/0103-11042017S10

Oliveira JLC, Matsuda LM. Vantagens e dificuldades da acreditação hospitalar: a voz dos gestores da qualidade. Esc Anna Nery. 2016;20(1):63-9. doi: 10.5935/1414-8145.20160009

Janini JP, Bessler D, Vargas AB. Educação em saúde e promoção da saúde: impacto na qualidade de vida do idoso. Saúde Debate. 2015;39(105):480-90. doi: 10.1590/0103-110420151050002015

Leal LA, Camelo SHH, Rocha FLR, Vegro TC, Santos FC. A promoção da saúde da equipe de enfermagem no âmbito hospitalar. Rev Rene (Online). 2015;16(5):762-72. doi: 10.15253/2175-6783.2015000500019

Freire RMA, Landeiro MJL, Martins MMFPS, Martins T, Peres HHC. Um olhar sobre a promoção da saúde e a prevenção de complicações: diferenças de contextos. Rev Latinoam Enferm 2016;24:e2749. doi: 10.1590/1518-8345.0860.2749




DOI: https://doi.org/10.5902/2179769243697

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.