“Da loucura a ciência” oficinas de oralidade e comunicação estratégica

Fernanda Daniela Dornelas Nunes, Karolyne Araújo Resende, Sânya Pedroso, Taciana Caldas Ferreira, Richardson Miranda Machado

Resumo


Objetivo: relatar a experiência das oficinas de “Oralidade e Comunicação Estratégica” desenvolvidas com os alunos do curso de graduação em enfermagem na Universidade Federal de São João Del Rei, abordando a importância de se promover o melhor desempenho acadêmico destes alunos nas habilidades da comunicação oral em consonância com as normas gramaticais da língua portuguesa. Métodos: trata-se de um relato de experiência realizado pelas alunas bolsistas do Programa de Educação Tutorial. Resultados: nas oficinas foram utilizadas filmagens às quais permitiram uma autoavaliação pelo aluno participante e o acompanhamento do seu aprendizado. Considerações finais: as oficinas facilitaram aos alunos o resgate do conteúdo gramatical e o aperfeiçoamento da comunicação estratégica. Também permitiram aos acadêmicos obterem conhecimentos sobre a saúde mental, sendo este utilizado como eixo transversal, interligando todos os conteúdos das oficinas, com intuito de manter uma conexão entre a prática profissional em Enfermagem e as doenças mentais.


Palavras-chave


Enfermagem; Educação; Comunicação

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/217976924031



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.