Promoção da saúde do jovem agricultor familiar: perspectiva para um envelhecimento saudável

Ângela Urio, Jeane Barros de Souza, Daniela Savi Geremia, Ivonete Teresinha S. Buss Heidemann, Liane Colliselli

Resumo


Objetivo: compreender como jovens agricultores cuidam da saúde, diante das vulnerabilidades no contexto de trabalho, desvelando suas perspectivas para o envelhecimento saudável. Método: pesquisa exploratória, descritiva, qualitativa, realizada com dez jovens de um município do Rio Grande do Sul, realizada no segundo semestre de 2018. A coleta dos dados ocorreu por meio de entrevistas semiestruturadas. A análise dos dados foi baseada na análise de conteúdo. Resultados: os jovens promovem sua saúde cuidando da alimentação, ingestão hídrica, adaptações climáticas, lazer e manutenção das relações familiares. Para o envelhecimento saudável, os participantes da pesquisa buscam inserção de tecnologias para aliviar esforço físico e adesão de práticas preventivas, demonstrando preocupações hereditárias e de comorbidades. Conclusão: a promoção da saúde é realizada a partir dos cuidados com a alimentação, ingesta hídrica, adaptações ao clima e das boas relações familiares. Os exercícios físicos não são praticados devido às atividades laborais demandarem intenso esforço físico.


Palavras-chave


Promoção da Saúde; Adulto Jovem. População Rural; Saúde do Trabalhador.

Referências


Rocha TALCG, Oliveira FN. Segurança e saúde do trabalhador: vulnerabilidade e percepções de riscos relacionados ao uso de agroquímicos em um polo de fruticultura irrigada do Rio Grande do Norte. Gest Prod. 2016;23(3):600-11. doi: https://doi.org/10.1590/0104-530x1219-14

Moreira JPL, Oliveira BLCA, Muzi CD, Cunha CLF, Brito AS, Luiz RR. A saúde dos trabalhadores da atividade rural no Brasil. Cad Saúde Pública. 2014;31(8):1698-708. doi: https://doi.org/10.1590/0102-311X00105114

Cassal VB, Azevedo LF, Ferreira RP, Silva DG, Simão RS. Agrotóxicos: uma revisão de suas consequências para a saúde pública. REGET. 2014;18(1):437-45. doi: http://dx.doi.org/10.5902/2236117012498

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa, Departamento de Apoio à Gestão Participativa. Política Nacional de Saúde Integral das Populações do Campo da Floresta [Internet]. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2013 [acesso em 2018 ago 10]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nacional_saude_populacoes_campo.pdf

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Vigilância em Saúde, Coordenação-Geral de Desenvolvimento da Epidemiologia em Serviços. Guia de Vigilância em Saúde [Internet]. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2017 [acesso em 2018 set 20]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/guia_vigilancia_saude_volume_1.pdf

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção em Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Diretrizes nacionais para a atenção integral à saúde de adolescentes e jovens na promoção, proteção e recuperação da saúde [Internet]. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2010 [acesso em 2018 out 14]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/diretrizes_nacionais_atencao_saude_adolescentes_jovens_promocao_saude.pdf

Carmo ME, Guizardi FL. O conceito de vulnerabilidade e seus sentidos para as políticas públicas de saúde e assistência social. Cad Saúde Pública. 2018;34(3):1-14. doi: http://dx.doi.org/10.1590/0102-311x00101417

Senado Federal (BR). Estatuto da juventude: atos internacionais e normas correlatas [Internet]. Brasília (DF): Senado Federal; 2013 [acesso em 2018 maio 15]. Disponível em: https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/509232/001032616.pdf

Pimenta MM. Ser jovem e ser adulto: identidades, representações e trajetórias [tese]. São Paulo: Universidade de São Paulo; 2007 [acesso em 2018 fev 17]. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8132/tde-15052007-111215/en.php

Bardin L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edição 70; 2011. 229 p.

Heidemann ITSB, Cypriano CC, Gastaldo D, Jackson S, Rocha CG, Fagundes E. Estudo comparativo de práticas de promoção da saúde na atenção primária em Florianópolis, Santa Catarina, Brasil e Toronto, Ontário, Canadá. Cad Saúde Pública. 2018;34(4):1-13. doi: https://doi.org/10.1590/0102-311x00214516

Mallta DC, Reis AAC, Jaime PC, Morais Neto OL, Silva MMA, Akerman M. O SUS e a Política Nacional de Promoção da Saúde: perspectiva resultados, avanços e desafios em tempo de crise. Ciênc Saúde Colet. 2018;23(6):1799-809. doi: https://doi.org/10.1590/1413-81232018236.04782018

Triches RM, Gerhaedt TE, Schneider S. Políticas alimentares: interações entre saúde, consumo e produção de alimentos. Interações (Campo Grande). 2014;14(1):109-200. doi: https://doi.org/10.1590/S1518-70122014000100011

Silva Filho JN, Araújo LC, Yamiha C, Araújo BCA. Necessidades da reidratação para a saúde do trabalhador: uma revisão sistemática. Rev Bras Nutr Esportiva [Internet]. 2015 [acesso em 2018 set 02];9(54):578-86. Disponível em: http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/591

CEREST (Campo Grande). Riscos a Saúde do trabalhador rural [Internet]. 2017 [acesso em 2018 set 26]. Disponível em: http://www.campogrande.ms.gov.br/cerest/wp-content/uploads/sites/43/2017/05/201702201024501.pdf

Boechat IT, Cabral HLTB, Souza CHM. A comunicação na família caracterizada pela pseudomutualidade e pelo duplo vínculo. Transformar [Internet]. 2015 [acesso em 2019 out 03];(7):227-38. Disponível em: http://www.fsj.edu.br/transformar/index.php/transformar/article/view/42

Silva MR, FerrettiF, Lutinski JA. Dor lombar, flexibilidade muscular e relação com o nível de atividade física de trabalhadores rurais. Saúde Debate. 2017;2(112):183-94. doi: http://dx.doi.org/10.1590/0103-1104201711215

Lima DF, Luiz OC. Atividade física na promoção da saúde: uma avaliação das diretrizes. Semina Cienc Biol Saúde [Internet]. 2015 [acesso em 2018 set 03];36(2):57-66. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/seminabio/article/view/22531

Silva JV, Domingues EAR. Adaptação cultural e validação da escala para avaliar as capacidades de autocuidado. Arch Health Sci (Online). 2017;24(4):30-6. doi: https://doi.org/10.17696/2318-3691.24.4.2017.686

Menezes MA, Stropasolas AM, Bartellos SB, organizadores. Juventude rural e políticas públicas no Brasil. Brasília (DF): Presidência da República; 2014. 268 p.

Senna SRCM, Dessen MA. Reflexões sobre a saúde do adolescente brasileiro. Psicol Saúde Doenças. 2015;16(2):217-29. doi: http://dx.doi.org/10.15309/15psd160208

Pessoa YSRQ, Aalchieri JC. Qualidade de vida em agricultores orgânicos familiares no interior paraibano. Psicol Ciênc Prof. 2014;34(2):330-43. doi: https://doi.org/10.1590/1982-3703001095012

Saúde em Movimento. Associação Mundial de Recreação e Lazer (World Leisure and Recreation Association - WLRA). Carta internacional de educação para o lazer [Internet]. 2003 [acesso em 2018 out 18]. Disponível em: http://www.saudeemmovimento.com.br/conteudos/conteudo_frame.asp?cod_noticia=195

Cunha JM, Merino GSAD, Merino EAD. Avaliação ergonômica da extração manual de raízes de mandioca em propriedades agrícolas familiares a partir do rastreamento de movimentos 3D (X-SENS). Estudos Design. 2015;23(3):60-72. doi: http://dx.doi.org/10.5151/15ergodesign-26-E032

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador. Dor relacionada ao trabalho: lesões por esforços repetitivos (LER): distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho (Dort) [Internet]. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2012 [acesso em 2018 set 20]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/dor_relacionada_trabalho_ler_dort.pdf

Instituto Nacional de Câncer (INCA). O que é câncer? [Internet]. 2018 [acesso em 2018 out 18]. Disponível em: http://www1.inca.gov.br/conteudo_view.asp?id=322

Vieiro CM, Camponogara S, Cesar-Vaz MR, Costa VZ, Beck CLC. Sociedade de risco: o uso dos agrotóxicos e implicações na saúde do trabalhador rural. Esc Anna Nery Rev Enferm. 2016;20(1):99-105. doi: https://doi.org/10.5935/1414-8145.20160014




DOI: https://doi.org/10.5902/2179769240131

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.