Comunicação: equipe de enfermagem e paciente em ventilação mecânica

Jéssica Sarah Vargas, Maristela Soares de Rezende

Resumo


Este estudo qualitativo exploratório, realizado em uma UTI para adultos e uma Unidade de Internação Clínica, objetivou identificar as formas e instrumentos de comunicação utilizados pela equipe de enfermagem para compreender o paciente adulto em ventilação mecânica (VM), e os fatores que interferem. Equipe de enfermagem e pacientes foram os sujeitos entrevistados. Os primeiros tinham como requisito ser intensivista que cuidou de pacientes conscientes por algum período da VM. Os pacientes deveriam estar lúcidos, verbalizando e terem permanecido conscientes por algum período da VM. Identificou-se que a equipe destaca a escrita, o piscar de olhos e o apertar da mão para se comunicar com os pacientes, estes apontam o apertar da mão como a mais utilizada. Ambos sugerem a permanência dos familiares, favorecendo o processo comunicacional. Conclui-se que existe uma preocupação da equipe em estabelecer uma comunicação efetiva com o paciente, valorizando o cuidado e empenhando-se para uma recuperação digna.

Palavras-chave


Comunicação; Ventilação mecânica; Unidade de terapia intensiva

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/217976923380



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.