Atenção à saúde do homem em unidades de Estratégia de Saúde da Família

Gésica Graziela Julião, Leni Dias Weigelt

Resumo


A Política de Atenção Integral a Saúde do Homem considera os agravos de saúde do homem como problemas de saúde pública que demandam condutas e ações preventivas e assistenciais específicas. Esta problemática justifica o desenvolvimento deste estudo que tem como objetivo analisar as ações de atenção à saúde do homem realizadas por enfermeiros em Unidades de Estratégia de Saúde da Família e as condições de informação desses profissionais sobre a Política Integral de Saúde do Homem em dois municípios em gestão plena do Vale do Rio Pardo - RS. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de caráter exploratório-descritivo com quinze enfermeiras que responderam a um questionário. Os dados coletados foram submetidos à análise de conteúdo. Os resultados apontam que os enfermeiros consideram importante a política de saúde do homem, porém ainda são frágeis as condições de implementação desta política, em especial, de conhecimento, incentivo e planejamento de ações específicas destinadas ao homem.

 


Palavras-chave


Cuidados de enfermagem; Saúde do homem; Saúde da Família.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/217976922400



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.