Concepções de usuários de crack acerca da droga

Khivia Kiss Silva Barbosa, Walkiria da Silva Rocha, Kay Francis Leal Vieira, Estela Rodrigues Paiva Alves, Gerlaine de Oliveira Leite, Maria Djair Dias

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/2179769213474

Objetivo: investigar o conhecimento que usuários de crack possuem em relação ao uso da droga, bem como os fatores que dificultam o abandono do vício. Método: pesquisa qualitativa, envolvendo 20 usuários de crack, desenvolvida em João Pessoa/PB, em 2012. Os dados foram coletados através de formulário semiestruturado e analisados conforme a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Resultados: constatou-se o surgimento das seguintes ideias centrais: “Sabia que era uma droga que traria prejuízos em todos os sentidos”, “Faz mal para o organismo”, “Acesso fácil à droga”, “Voltar para o mesmo lugar onde mora”. Conclusão: sugere-se a realização de novos estudos com o objetivo de determinar prognósticos positivos e novas estratégias para a abordagem dessa temática.


Palavras-chave


Cocaína crack; Comportamento aditivo; Drogas ilícitas

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2179769213474



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.