Memoriais: “cantos de experiência” vivida e em devir

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5902/2318133868281

Resumo

Apresentação do número especial de 2021, intitulado Memoriais de carreira docente.

Biografia do Autor

Maria da Conceição Passeggi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte e na Universidade Cidade de São Paulo

Maria da Conceição Passeggi é professora na Universidade Federal do Rio Grande do Norte e na Universidade Cidade de São Paulo.

Referências

BADARÓ, Ana Fátima Viero. Memorial de títulos apresentado para promoção docente à Classe E da Universidade Federal de Santa Maria. Regae: Rev. Gest. Aval. Educ., Santa Maria, v. 10, n. especial, 2021, p. 1-42.

BARCELOS, Valdo. Memorial acadêmico e científico: formação, aperfeiçoamento e pós-graduação. Regae: Rev. Gest. Aval. Educ., Santa Maria, v. 10, n. especial, 2021, p. 1-24.

BOLZAN, Dóris Pires Vargas. Memorial 2007-2017: professor titular. Regae: Rev. Gest. Aval. Educ., Santa Maria, v. 10, n. especial, 2021, p. 1-39.

BRUNER. Jerome. Realidade mental, mundos possíveis. Porto Alegre: Artes Médicas, 2001.

DILTHEY, Wilhelm. A construção do mundo histórico nas ciências humanas. São Paulo: Unesp, 2010.

DOMINICÉ, Pierre. L´histoire de vie comme processus de formation. Paris: L´Harmattan, 2000.

FERNANDES, Rafaela; LEITE, Fernanda. Antropofagia marginal periférica ecoando das favelas. Letras, Santa Maria, v. 29, n. 59, 2019, p. 473-489.

FERRAROTTI, Franco, História e histórias de vida: o método biográfico nas ciências sociais. Natal: UFRN, 2014.

GADAMER, Hans-Georg. Le problème de la conscience historique. Paris: Seuil, 1996.

GIORDANI, Estela Maris. Aprendizagens e exercício profissional na ufsm: um instrumento na sinfonia da vida. Regae: Rev. Gest. Aval. Educ., Santa Maria, v. 10, n. especial, 2021, p. 1-60.

GOMES, Luanna; COSTA, Patrícia; NAZÁRIO, Cláudia. Memorial escolar: uma produção significativa. Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica, Salvador, v. 5, n. 15, 2020, p. 1170-1190.

JAY, Martin. Cantos de experiência: variaciones modernas sobre un tema universal. Buenos Aires: Paidós, 2009.

LEJEUNE, Philippe. O pacto autobiográfico: de Rousseau à internet. Belo Horizonte: UFMG, 2008.

PASSEGGI, Maria Conceição. Injunção institucional e sedução autobiográfica: as faces autopoiética e avaliativa dos memoriais. In: BARBOSA, Tatyana Mabel Nobre; PASSEGGI, Maria (org.). Memorial acadêmico: gênero, injunção institucional, sedução autobiográfica. Natal: UFRN, 2011, p. 19-39.

PASSEGGI, Maria Conceição. Narrar é humano: autobiografar é um processo civilizatório. In: PASSEGGI, Maria Conceição; SILVA, Vivian Batista da. Invenções de vidas, compreensão de itinerários e alternativas de formação. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2010, p. 103-130.

PASSEGGI, Maria Conceição. Pierre Bourdieu, da ilusão à conversão autobiográfica. Revista da Faaeba: Educação e Contemporaneidade, Salvador, v. 23, n. 41, 2014, p. 223-235.

PASSEGGI, Maria Conceição. Reflexividad narrativa: vida, experiencia vivida y ciencia. Márgenes Revista de Educación de la Universidad de Málaga, Málaga, v. 1, n. 3, 2020, p. 91-109.

RICŒUR, Paul. A ilusão biográfica. In: FERREIRA, Marieta de Moraes; AMADO, Janaina (org.). Usos e abusos da história oral. Rio de Janeiro: FGV, 1998, p. 183-191.

RICŒUR, Paul. Escritos e conferência I: em torno da psicanálise. São Paulo: Loyola, 2010.

RICŒUR, Paul. Tempo e narrativa, tomos 1, 2, 3. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

RICŒUR, Paul. Temps et récit: l´intrigue et le récit historique. Paris: Seuil, 1983.

SOUZA, Edilson Fernandes de. À luz do candeeiro e o constructo do ‘eu’ fonte: educação pela arte, ciência e política. Regae: Rev. Gest. Aval. Educ., Santa Maria, v. 10, n. especial, 2021, p. 1-325.

TREVISAN, Amarildo Luiz. Memorial de formação, aperfeiçoamento e pós-graduação. Regae: Rev. Gest. Aval. Educ., Santa Maria, v. 10, n. especial, 2021, p. 1-21

UNFER, Beatriz. Sentidos da docência em odontologia: memorial. Regae: Rev. Gest. Aval. Educ., Santa Maria, v. 10, n. especial, 2021, p. 1-18.

Downloads

Publicado

29-10-2021

Como Citar

Passeggi, M. da C. (2021). Memoriais: “cantos de experiência” vivida e em devir. Regae - Revista De Gestão E Avaliação Educacional, e68281, p. 1–10. https://doi.org/10.5902/2318133868281