O GEOPARQUE ARARIPE E O SEU IMPACTO NO DESENVOLVIMENTO LOCAL: BARBALHA, BRASIL

Joalana Araujo Macedo, Daniel Rodriguez de Carvalho Pinheiro

Resumo


O objeto desta pesquisa é uma investigação sobre o Geoparque Araripe e seu impacto no desenvolvimento local (Barbalha, Brasil). O Geoparque Araripe foi definido como um território de significativa importância geológica, destacado pela sua rara beleza (HERZOG et. al, 2008). A pesquisa é quantitativa, descritiva e exploratória. Os dados primários foram coletados a partir de amostra por conveniência, os dados secundários foram obtidos junto a Universidade Regional do Cariri e em documentos fornecidos pelo Geoparque Araripe. A comunidade apresentou um retardo (delay) entre os resultados efetivamente alcançados e os resultados esperados pela proposta de criação do Geoparque Araripe. Isso compromete a efetivação das ações de desenvolvimento local.

Texto completo:

PDF

Referências


BRILHA, J.B.R. Patrimônio geológico e geoconservação: a conservação da natureza na sua vertente geológica. São Paulo: Palimage editora, 2005, 190p.

COSTA FILHO, José Sales (Org.). O Geopark Araripe/ The Araripe Geopark. Crato. Edições URCA, 2008.

DENCKER, A. F. M. Métodos e técnicas de pesquisa em turismo. 8. ed. São Paulo: Futura, 1998.

GEOPARK ARARIPE. Geopark Araripe. Disponível em: . Acessado em: 30 de setembro de 2012.

GEOPARK ARARIPE. Estudos técnico científicos: Geotopes do Geopark Araripe. Relatório de Recomendações. Consorcio Ambiental/ IBI TUPI, 2006.

HERZOG, André, et. al. O Geopark Araripe Ceará/Brasil: Uma pequena história da evolução da vida, das rochas e dos continentes. Fortaleza: Expressão Gráfica e Editora, 2008.

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia Estatística. IBGECidades@: Barbalha, CE. Disponível em: . Acessado em: 01 de outubro de 2012.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia Estatística. XII Censo demográfico. Rio de Janeiro, 2010.

IPECE – Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará. Perfil Básico Municipal 2011 Barbalha. Disponível em: < http://www.ipece.ce.gov.br/publicacoes/perfil_basico/pbm-2011/Barbalha.pdf>. Acessado em: 05 de maio de 2013.

LUCAS, Ayslane Amâncio & GLAVÃO, Maria Neuma C. Goeparque Araripe possibilidades para educação ambiental. In: Educação ambiental: responsabilidade para a conservação da sociobiodiversidade. João Pessoa, PB: Editora universitária da UFPB, 2011.

MANTESSO-NETO, V. Geodiversidade, geoconservação, geoturismo, patrimônio geológico, geoparque: novos conceitos nas geociências do século XXI. In: VI Congreso Uruguayo de Geologia, 2010, Minas. Anais de Resumos. Disponível em: < http://www.sugeologia.org/documentos/ACTAS%20VI%20CONGRESO%20URUGUAYO/trabajos/123_Mantesso-Neto_Virginio.pdf>. Acessado em: 11 de abril de 2013.

MOREIRA, Jasmine Cardozo. Geoturismo: uma abordagem histórico-conceitual. Turismo e Paisagens Cársticas, vol. 3, n. 1, p. 5-10, 2010.

NASCIMENTO, Marcos Antonio Leite; RUCHKYS, Úrsula Azevedo; MANTESSO-NETO, Virgínio. Geotrurismo: um novo segmento do Turismo brasileiro. Global Tourism, vol. 3, n. 2, Nov. 2007.

OLIVEIRA, Christian Dennys Monteiro de. Turismo e Geoeducação: Um começo de conversa. Disponível em: http://www.lege.ufc.br/images/stories/arquivos/turismoegeoeducacao_christianoliveira.pdf. Acesso em: 27 de setembro de 2012.

RUCHKYS, Úrsula Azevedo. Patrimônio geológico e geoconservação no Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais: potencial para a criação de um geoparque da UNESCO. 2007. 235f. (Tese de doutorado). Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte: 2007.

SEN, Amartya Kumar. Desenvolvimento como Liberdade. São Paulo: Companhia das letras, 2000.

UNESCO. Ciências da Terra para Sociedade. Disponível em: . Acessado em: 30 de setembro de 2012.

UNESCO - United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization. UNESCO GEOPARKS PROGRAMME - a new initiative to promote a global network of geoparks safeguarding and developing selected areas having significant geological features. Executive Board: Hundred and fifty-sixth Session. 156 EX/11. Rev. PARIS, 15 April 1999.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2236499412861

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Indexações e Bases Bibliográficas