Estudos de recepção que articulam identidade e gênero: análise do GT de Recepção da Compós desde 2010

Larissa Adryellen Drabeski, Joana Gall Pereira, Valquíria Michela John

Resumo


A fim de analisar como são abordadas as temáticas gênero e identidade nos estudos de recepção, foram analisados os trabalhos apresentados no GT de Recepção da Compós entre 2010 e 2018. Dos 88 trabalhos do período, 12 abordam gênero e sete trazem a identidade para a discussão. Há ainda sete artigos que fazem o tensionamento entre as duas abordagens. Apesar do crescente interesse em relação aos assuntos, percebemos um vasto campo ainda a ser debatido que articule gênero e identidade


Texto completo:

PDF

Referências


BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70; 2016.

BRABO, Tânia Suely A. M. Movimento Feminista e Mídia: Encontros e Desencontros, in BRABO, Tânia Suely A. M. (org.), Gênero, Educação, Trabalho e Mídia. São Paulo: ícone, 2010. 171 p.

COMPÓS – Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação. Quem Somos. Disponível em: http://www.compos.org.br/a_compos.phpAcesso em 10 ago. 2018

ESCOSTEGUY, Ana Carolina, As identidades de gênero dos estudos brasileiros de recepção in ESCOSTEGUY, Ana Carolina (org). Comunicação e gênero (recurso eletrônico): a aventura da pesquisa. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2008. 173p.

ESCOSTEGUY, Ana Carolina e JACKS, Nilda. Comunicação e Recepção. São Paulo: Hacker Editores, 2005. 127p.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. 4. Ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2000a.

___________. Quem precisa de identidade? In: SILVA, Tomaz Tadeu da. Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2000b, p. 103-33.

___________. Da diáspora: identidades e mediações culturais. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2003.

JACKS, Nilda Aparecida. Tendências latino-americanas nos estudos da recepção. Revista Famecos, n. 5, nov. 1996, p. 44-49.

_____________ (org). Meios e Audiências II: a consolidação dos estudos de recepção no Brasil. Porto Alegre: Sulina, 2014.

JACKS, Nilda Aparecida. WOTTRICH, Laura. O legado de Stuart Hall para os Estudos de Recepção no Brasil. Revista Matrizes. V.10 - Nº 3 set/dez. 2016, p. 159-172.

JOHN, Valquíria M., COSTA, Felipe da. Mulheres, identidades de gênero e sexualidade: problemáticas e desafios a partir do recorte por sexo in JACKS, Nilda (org). Meios e Audiências II: A consolidação dos estudos de recepção no Brasil. Porto Alegre: Sulina, 2014. 326p.

MELO, Delâine Cavalcanti Santana de. Imbricações: gênero, poder e violência contra a mulher in CLÁUDIO, Maria do Rozario; PEDROSO, Vanessa A. de Melo (orgs.), Mulheres, do que estamos falando? Recife: Instituto HumanitasUnicap, 2014. 332p.

MESSA, Márcia R. Os estudos de gênero da pesquisa em comunicação no Brasil in ESCOSTEGUY, Ana Carolina (org). Comunicação e gênero (recurso eletrônico): a aventura da pesquisa. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2008. 173p.

OIKAWA, Erika e SILVA, Lourdes Ana Pereira. Identidades midiáticas: narrativas de pertencimento nos estudos de recepção e consumo midiático In: JACKS, Nilda; PIEDRAS, Elisa; PIENIZ, Mônica; JOHN, Valquiria (orgs). Meios e Audiências III: reconfigurações dos estudos de recepção e consumo midiático no Brasil. Porto Alegre: Sulina, 2017.

TOMAZETTI, Tainan P.; CORUJA, Paula. Identidades midiáticas: narrativas de pertencimento nos estudos de recepção e consumo midiático In: JACKS, Nilda; PIEDRAS, Elisa; PIENIZ, Mônica; JOHN, Valquiria (orgs). Meios e Audiências III: reconfigurações dos estudos de recepção e consumo midiático no Brasil. Porto Alegre: Sulina, 2017.

WOTTRICH, Laura. “Quem precisa de identidades?” Os estudos de recepção?.In: JACKS, Nilda (org). Meios e Audiências II: a consolidação dos estudos de recepção no Brasil. Porto Alegre: Sulina, 2014.

Corpus: artigos apresentados

COÊLHO, Tamires Ferreira. Cultura, identidade e Perspectivas de Cidadania: Uma pesquisa de recepção dos processos comunicativos na comunidade CS POA. In: XXIV Encontro da Compós, Belém, 2014

COÊLHO, Tamires Ferreira. A potência metodológica dos afetos na pesquisa em comunicação e a experiência das sertanejas no Facebook. XXVII Encontro Anual da Compós, Belo Horizonte, 2018

COÊLHO, Tamires Ferreira; Experimentações metodológicas e interceccionalidade em relatos de sertanejas conectadas pelo Facebook. In: XXVI Encontro da Compós, São Paulo, 2017

CRUZ-OLIVEIRA. Milena Freire de. Sobre costurar teoria social e realidade empírica na recepção:uma proposta de sistematização do gênero e classe como conceitos analíticos a partir do habitus. In: XXVII Encontro Anual da Compós, Belo Horizonte, 2018

JOHN, Valquíria M. Telenovela e mundos possíveis na prisão: um estudo de recepção com mulheres encarceradas. In: XXV Encontro da Compós, Goiânia, 2016

LUZ, Paulo J. M. da. As Latinas que vemos: a recepção das personagens da série Queens ofthe South. XXVII Encontro Anual da Compós, Belo Horizonte, 2018

MACEDO, Ana Carolina B.,Propaganda e humor: suavizando as relações de gênero. In: XXIV Encontro da Compós, Rio Grande do Sul, 2011

NATANSOHN, Graciela; PAZ, Mônica. Entre usos y apropiaciones de tecnologia digital: ciberfeminismos contemporâneos. XXVII Encontro Anual da Compós, Belo Horizonte, 2018

RIBEIRO, Regiane. O Fandom e seu potencial como comunidade interpretativa: uma discussão teórico-metodológica para os Estudos de Recepção. In: XXV Encontro da Compós, Goiânia, 2016

RIBEIRO, Regiane e SILVESTRIN, Celsi B. Uma abordagem paranaense sobre o consumo cultural juvenil e a convergência midiática: um relato analítico. In: XXIV Encontro da Compós, Brasília, 2015

RIBEIRO, Regiane. JOHN, Valquíria M. Circulação de sentidos sobre a mulher latina:reflexões e tensionamentos a partir da recepção transmidiáticade Orange isthe New Black. In: XXVI Encontro da Compós, São Paulo, 2017

RONSINI, Veneza. Telenovelas, classe e capital simbólico. In: XXVI Encontro da Compós, São Paulo, 2017

RONSINI, Veneza; ROSA, Otávio; BARBIERO, Hellen, MACHIAVELLI, Marina. Os sentidos das telenovelas nas trajetórias sociais de mulheres da classe dominante. In: XXV Encontro da Compós, Goiânia, 2016

RONSINI, Vezena M.; DEPEX, Sandra; SCHNORR, Júlia; SCHERER, Fernanda; GELAIN, Gabriela. Aspirações femininas:modelos da televisão e da vida. In: XXIV Encontro da Compós, Bahia, 2013

SAGGIN, Livia e BONIN, Jiani. Problematizações para pensar as apropriações/produções digitais de jovens. In: XXV Encontro da Compós, Goiânia, 2016

SILVA, Lourdes A. P.; COSTA, Felipe da; OIKAWA, Erika. Pesquisas de recepção em jornalismo: o Jornal Nacional como objeto de estudo e a identidade como categoria de análise. In: XXVII Encontro da Compós, Belo Horizonte, 2018

SIFUENTES, Lirian. Classe social e o consumo de telenovela por mulheres: um estudo comparativo. In: XXIV Encontro da Compós, Brasília, 2015




DOI: https://doi.org/10.5902/2316882X36653

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Programa de Pós-Graduação em Comunicação

Departamento de Ciências da Comunicação

Cadernos de Comunicação

Av. Roraima, 1000 - Camobi  - Santa Maria - RS

Prédio 21, sala 5129 - Laboratório PUBLICA.

E-mail: cadernos@ufsm.br

ISSN Impresso: 1677-9061

ISSN Eletrônico: 2316-882X

Classificação Qualis-CAPES 2013-2016:

B4 - Comunicação e Informação

B2 - Linguística e Literatura

B2 - Educação

B2 - Planejamento Urbano e Regional / Demografia

B4 - Adminitração Pública de Empresas, Ciências Contáveis e Turismo

B4 - Direito

B4 - Sociologia

B4 - Ensino

B4 - Interdisciplinar

B5 - Geografia

Indexados em: Redib; Latindex; DOAJ; Sumários.org; Portcom;

e Diadorim;

DOI: HTTP://dx.doi.org/10.5902/

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.