E se Jesus fosse gay, zumbi, ou fosse salvo pelo Exterminador do Futuro? Teologia Reflexiva Popular a partir da produção midiática via internet.

Luiz Vadico

Resumo


 

Este artigo parte da análise de três vídeos disponíveis no site Youtube: Jesus Christ! The Musical, de Javier Prato (2007), The Greatest Action Story Ever Told, produzido pela Mad TV (2006) e The Passion of Zombie Jesus, de Ira Hunter (2006). A partir dos conceitos desenvolvidos pelos teólogos Clive Marsh e William Telford, verificaremos a mensagem teológica, o público ao qual se destina, a finalidade, a imagem de Cristo gerada, a sua função e posição em relação à teologia dita tradicional. A análise central será do filme de Javier Prato. A escolha do Youtube e de vídeos feitos para a internet se deve ao grande acesso do público e por se tratarem de novas práticas sociais contemporâneas.

 

 


Palavras-chave


cinema; religião; comunicação; cristologia; novas mídias;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/217549776880 ';





 

Apoio

Universidade Federal de Santa Maria

Programa de Pós-graduação em Comunicação

Animus recebe apoio financeiro do edital

PRÓ-REVISTAS 2017 nº 11/2017

 

ANIMUS - Revista Interamericana de Comunicação Midiática

e-mail: revistaanimus@ufsm.br

Classificação Qualis-CAPES: A3

Temática classificada CNPQ: Comunicação: 6.09.00.00-8

DOI: 10.5902/21754977

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.


Indexada em:

Compartilhe Revista Animus