TUTELA DOS CONHECIMENTOS TRADICIONAIS ASSOCIADOS À BIODIVERSIDADE AMAZÔNICA: O NOVO AMBIENTE GLOBAL TRANSNACIONAL E A SUSTENTABILIDADE

Ana Carolina Couto Lima de Carvalho

Resumo


O presente trabalho realiza uma breve análise da tutela jurídica dos conhecimentos tradicionais dos povos da Amazônia e sua imprescindível inter-relação com a sustentabilidade ambiental e a transnacionalidade. Pelo método indutivo e técnica de pesquisa bibliográfica, objetiva-se o estudo do novo ambiente global transnacional e a sustentabilidade. Importante ressaltar a limitada perspectiva de proteção oferecida pelos direitos nacionais aos conhecimentos tradicionais associados à biodiversidade Amazônica e a inadequação do sistema de patentes e do direito de autor para a tutela dos direitos intelectuais coletivos. A proteção jurídica dos conhecimentos tradicionais associados à biodiversidade amazônica somente poderá se tornar efetiva a partir de um Direito Ambiental Transnacional, com ênfase no desenvolvimento de um regime jurídico que respeite todas as peculiaridades das comunidades tradicionais.

 


Palavras-chave


Conhecimentos Tradicionais;Sustentabilidade; Transnacionalidade.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2316305420501

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

REDESG - Revista Direitos Emergentes na Sociedade Global

Vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade Federal de Santa Maria - www.ufsm.br/ppgd

 

ISSN 2316-3054      Digital Object Identifier (DOI): 10.5902/23163054

www.ufsm.br/redesg www.facebook.com/redesg

 

 

 

 

Indexações:


Início