Software para Utilização do Custeio Baseado em Atividades e Tempo (Tdabc) Em Cooperativa de Crédito

Evandro Bonetti, Rodney Wernke, Antonio Zanin

Resumo


Relata estudo de caso acerca da elaboração de software para utilização do Custeio Baseado em Atividades e Tempo (TDABC) com objetivo de apurar os custos das atividades executadas em uma cooperativa de crédito. Nesse sentido, pretendeu-se responder à questão de pesquisa sobre quais os benefícios da utilização de um software fundamentado no TDABC no âmbito de cooperativa de crédito, empregando-se metodologia do tipo descritiva, no formato de estudo de caso, com abordagem qualitativa. Para tanto, foram apresentadas as principais características do estudo de caso realizado, com breve descrição do contexto da cooperativa de crédito e a evidenciação das etapas seguidas para aplicar o TDABC na entidade pesquisada por meio de um sistema informatizado especificamente elaborado pelos autores. Quanto aos resultados oriundos, foi apresentada uma metodologia para criação de software que realiza o custeio de serviços financeiros através do TDABC em cooperativas de crédito. Ainda, constatou-se que a utilização de software com essa configuração nesse contexto traz maior clareza a respeito dos custos dos serviços prestados pela cooperativa, o que proporciona aos gestores uma visão mais aprimorada para facilitar a gestão de custos e a determinação da rentabilidade dos serviços prestados.


Palavras-chave


TDABC. Cooperativa de crédito. Software.

Texto completo:

PDF

Referências


ABENSUR, E. O.; BRUNSTEIN, I. Metodologia de custeio da virtualidade: um caso prático de serviços bancários. Revista de Administração. São Paulo, v. 34, n. 2, p. 47-54, 1999.

AHMED, A. A. K. The use AHP in integrating BSC & Td-ABC to improve the performance of commercial banks. New York Science Journal, New York, v. 7, n. 5, p.82-96, 2014.

BAMBER, L.; HUGHES, K. E. Activity-based Costing in the service sector: The Buckeye National Bank. Issues in Accounting Education, v. 16, n. 3, p. 381-408, 2001. http://dx.doi.org/10.2308/iace.2001.16.3.381

BARROS, R. S; SIMÕES, A. M. D. Do custeio tradicional ao time-driven activity-based costing: revisão de literatura e sugestões de investigação futura. Revista Iberoamericana de Contabilidad de Gestion, v. 24, p. 1-17, dez. 2014.

BRUGGEMAN, W. et al. Working paper: modeling logistics costs using Time-Driven ABC: a case in a distribution company. Gante: Ghent University, 2005.

CARVALHO, H. M. H. de. A implementação e manutenção do "activity-based costing" num banco português. Dissertação (Mestrado). Lisboa: ISCTE, 2008. Disponível em .

CHOW, J. W. Y. Activity based costing: a case study of Raiffeisen Bank of Luxembourg. 12. ed. Luxembourg. European Institute for Knowledge & Value Management, 2016.

CIAIAN, P; PALOMA, S. G.; DELINCÉ, J. Literature review on cost of production methodologies. In: The First Scientific Advisory Committee Meeting, 1, 2013, Roma. Proceedings... Roma: FAO, p. 1-19, 2013.

DALCI, I.; TANIS, V.; KOSAN, L. Customer profitability analysis with time driven activity based costing: a case study in a hotel. International Journal of Contemporary Hospitality Management, v. 22, n. 5, p.609-637, 2010. http://dx.doi.org/10.1108/09596111011053774

DALENOGARE, G. E.; NEUENFELDT JUNIOR, Á.; SILUK, J. C. M. Método do custo para servir ao cliente: um estudo de caso em uma cooperativa de crédito. In: Workshop em Sistemas e Processos Industriais, 2, 2013, Santa Cruz do Sul. Anais... Santa Cruz do Sul: Universidade de Santa Cruz do Sul, 2013.

DALLORA, M. E. L. V.; FORSTER, A. C. A importância da gestão de custos em hospitais de ensino: considerações teóricas. Medicina. Ribeirão Preto, v. 41, n. 2, p.135-142. mai. 2008.

DATE, C. J. Introdução a sistemas de bancos de dados. 7ª ed., Rio de Janeiro: Campus, 2000

DURGHAM, M. M. Relationship between the application of Activity-Based Costing System, and Activity-Based Management System in Palestinian Banks for profit maximization (field study). Journal of Economics and Business Studies, Gaza, v. 24, n. 2, p. 30-48, 2016.

ERIKSSON, H.; PENKER, M. Business modeling with UML: business patterns at work. Canada: John Wiley & Sons, 2000.

EVERAERT, P.; BRUGGEMAN, W. Time-driven activity-based costing: exploring the underlying model. Journal of Cost Management, v. 21, n. 2, p. 16-20, fev. 2007.

EVERAERT, P.; BRUGGEMAN, W.; CREUS, G. de. Sanac Inc.: from ABC to time-driven ABC (TDABC): an instructional case. Journal of Accounting Education, Amsterdam, v. 26, n. 3, p. 118-154, 2008. http://dx.doi.org/10.1016/j.jaccedu.2008.03.001

FONTANA, K. H. S. et al. Práticas de gestão de custos alinhadas ao posicionamento estratégico de um sistema de crédito cooperativo. Revista Espacios, Caracas, v. 37, n. 18, p.12-12, mar. 2016.

GERVAIS, M.; LEVANT, Y.; DUCROCQ, C. Time-Driven Activity-Based Costing (TDABC): an initial appraisal through a longitudinal case study. The Journal of Applied Management Accounting Research, v. 2, n. 8, p.11-20, fev. 2010.

GIL, A. C. Como elaborar projeto de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2004.

HOOZÉE, S.; VANHOUCKE, M.; BRUGGEMAN, W. Working paper: comparing the accuracy of ABC and time-driven ABC in complex and dynamic environments: a simulation. Gante: Ghent University, 2010.

JOHN, I.; FALCONER, M. The application of activity-based costing in the United Kingdom's largest financial institutions. The Service Industries Journal, v. 17, n. 1, p.190-203, 1997. http://dx.doi.org/10.1080/02642069700000010

KAPLAN, R. S.; ANDERSON, S. R. Custeio baseado em atividade e tempo. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007.

KAUR, R. Indian banking: managing transformation through information technology problems and prospects. 2010. 354 f. Tese (Doutorado) Curso de Philosophy in Management, School of Management Studies, Punjabi University, Patiala, 2010.

KONT, K.; JANTSON, S. Activity-Based Costing (ABC) and Time-Driven Activity-Based Costing (TDABC): applicable methods for university libraries? Evidence Based Library and Information Practice, Edmonton, v. 6, n. 4, p. 107-119, 2011. http://dx.doi.org/10.18438/b8gg8z

LA VILLARMOIS, O. de; LEVANT, Y. Le Time-Driven ABC: la simplification de l'évaluation des coûts par le recours aux équivalents: un essai de positionnement. Revue Finance Contrôle Stratégie, Paris, v. 13, n. 1, p.149-182, mar. 2007.

MONROY, C. R.; NASIRI, A.; PELÁEZ, M. Á. Activity-based Costing, Time-driven Activity-based Costing and Lean Accounting: differences among three accounting systems' approach to manufacturing. In: Annals of Industrial Engineering, 6, 2012, Londres. Proceedings... Londres: Springer-vergal, 2012.

MORAES, M. R. Q. Diferenças e semelhanças entre o custeio baseado em atividade e custeio baseado em atividade e tempo. 2011. 120 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Pós-graduação em Economia, Faculdade de Ciências Econômicas, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.

NAZEMI, A.; SEYEDI, A. The usefulness of Activity Based Costing and Traditional Costing in banking industry: evidence from a bank in Iran. In: Anjual Iranian Accounting Conference, 10, 2012, Tehran. Proceedings... Tehran: Alzahra University, p. 138-149, 2012.

ORTIZ, D. A. V.; LLUMIQUINGA, L. E. S. Diseño e implementación de un sistema de costeo ABC (Activity Based Costing) en la Cooperativa de Ahorro y Crédito Alianza del Valle y su impacto en el grado de absorción. 2012. 165 f. Tese (Doutorado) - Curso de Ingeniería Economía y Finanzas, Escuela Politécnica Nacional, Quito, 2012.

PEREIRA, S. I. M. Custeio por atividades (ABC) e unidade de esforço de produção (UEP): similaridades, diferenças e complementaridades. 2015. 144 f. Tese (Doutorado) - Controladoria e Contabilidade, Contabilidade e Atuária, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015.

RAUPP, F. M.; BEUREN, I. M. Metodologia da pesquisa aplicável às ciências sociais. In. BEUREN, I. M. (Org.). Como elaborar trabalhos monográficos em contabilidade: teoria e prática. 3ª ed. São Paulo: Atlas, 2006.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. São Paulo: Atlas, 1999.

SAROKOLAEI, M. A.; SAVIZB, M.; MORADLOOC, M. F.; DAHAJD, N. S. Time Driven Activity Based Costing by using Fuzzy logics. 2nd International Conference on Leadership, Technology and Innovation Management. Procedia - Social and Behavioral Sciences, 75, p. 338-345, 2013. Http://dx.doi.org/10.1016/j.sbspro.2013.04.039

SCHMIDT, P.; SANTOS, J. L. dos; LEAL, R. da R. Proposta de um modelo de rentabilidade de clientes: um estudo de caso de uma empresa da área de alimentos. Revista de Informação Contábil, Recife, v. 4, n. 5, p. 26-45, 2011.

SCHUHMACHER, K.; BURKERT, M. Traditional ABC and Time-Driven ABC: an experimental investigation. Ssrn Electronic Journal, Rochester, p.1-32, ago. 2013. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.2312085

SHAHROKH, F.; MOTADEL, M. Feasibility study of banking services costing using Activity-Based Costing (A.B.C) in supervisory of District 8 of City Bank, Tehran. Xenophora Journal Management, Accounting and Economic Journal, v. 4, n. 4, p. 362-369, abr. 2016.

SIGUENZA-GUZMAN, L. et al. Using Time-Driven Activity-Based Costing to support library management decisions: a case study for lending and returning processes. The Library Quarterly, v. 84, n. 1, p.76-98, jan. 2014. http://dx.doi.org/10.1086/674032

SOUZA, A. A. de; AVELAR, E. A.; BOINA, T. M.; CAIRES, N. A. Aplicação do time-driven ABC em uma empresa varejista. ABCustos, v.7, n.2, p. 25-50, 2012.

SZYCHTA, A. Time-Driven Activity-Based Costing in service industries. Social Sciences, v.67, n.1, p. 49-60, 2010.

TSE, M. S. C.; GONG, M. Z. Recognition of idle resources in Time-driven Activity-based Costing and Resource Consumption Accounting Models. Journal of Applied Management Accounting Research, v.7, n.2, p. 41-54, 2009.

VARILA, M.; SEPPÄNEN, M.; SUOMALA, P. Detailed cost modelling: a case study in warehouse logistics. International Journal of Physical Distribution & Logistics Management, v. 37, n. 3, p.184-200, 24 abr. 2007. http://dx.doi.org/10.1108/09600030710742416

WEGMANN, G. Cost management for IT activities: a case study in the IT Division of a French Bank using Activity-based Costing. Ssrn Electronic Journal, p.1-13, nov. 2013. http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.2374972

WERNECK, S. de S. Metodologia de custeio baseado em atividades implementadas no banco central do Brasil: uma análise quanto ao uso das informações, objetivos almejados, benefícios esperados e expectativas levantadas. In: Encontro da ANPAD, 30., 2006, Salvador. Anais... Rio de Janeiro: Associação Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Administração, 2006.

WERNKE, R.; ROMAGNA, C.; JUNGES, I. TDABC aplicado em cooperativa de crédito: estudo de caso. In: Congresso Brasileiro de Engenharia de Produção, 6, 2016, Ponta Grossa. Anais... Ponta Grossa: Associação Paranaense de Engenharia da Produção, 2016.

YAMAGATA, E. K. Custeio baseado em atividades em instituições financeiras. 1995. 179 f. Dissertação (Mestrado). Curso de Administração e Contabilidade. Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 1995.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2359043228725

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. 

     

   

   

 

ISSN Eletrônico: 2359-0432

ISSN Impresso: 2446-7103