Imagem corporal em idosos do Brasil: uma revisão sistemática

Juliana Veríssimo da Silva, Yago Vitor dos Santos Souza, Anderson dos Santos Gonçalves, Hailton Ximenes Nascimento, Ricardo Malveira de Carvalho, André de Araújo Pinto

Resumo


A insatisfação com a imagem corporal tem sido alvo de muitos estudos conduzidos no Brasil, porém, em relação aos idosos a disponibilidade de estudos parece limitada. Esse estudo objetivou sintetizar as evidências disponíveis na literatura acerca dos estudos sobre a imagem corporal de idosos brasileiros. Para isso, foram conduzidas buscas sistemáticas nas bases de dados Literatura Latino-americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e Scientific Electronic Library Online (SCIELO). Foram adotados os critérios de inclusão: artigos científicos publicados nos últimos 10 anos (2008 a 2018), com amostras cujos idosos possuíam 60 anos ou mais. A busca inicial resultou em 141 manuscritos e ao final da revisão 11 artigos foram incluídos. Observou-se que os estudos conduzidos até o presente momento provêm informações apenas de idosos das regiões Sul, Sudeste e Nordeste. O tamanho das amostras variou de oito a 806 idosos, sendo a insatisfação com a imagem corporal avaliada, predominantemente, por meio de escalas de silhuetas demostrando prevalências elevadas de insatisfação. Diante da endogenia observada nos achados, mais estudos são necessários no Brasil, sobretudo, com amostras maiores e que envolvam idosos das regiões Centro-Oeste e Norte.


Palavras-chave


Envelhecimento; Imagem Corporal; Saúde do Idoso

Texto completo:

PDF

Referências


IBGE. Síntese de indicadores sociais: uma análise das condições de vida da população brasileira - 2015. Rio de Janeiro: IBGE, 2015.

Guedes MS, Cavalcante Neto JL. Transtorno mental comum e imagem corporal de idosas do nordeste brasileiro. Estud interdiscip envelhec. 2015; 20(3):819-31.

Jankowski, GS, Diedrichs, PC, Williamson, H. Looking age-appropriate while growing old gracefully: A qualitative study of ageing and body image among older adults. J Heal Psychology. 2016; 21(4)550–61.

Bailey KA, Cline LE, Gammage KL. Exploring the complexities of body image experiences in middle age and older adult women within an exercise context: The simultaneous existence of negative and positive body images. Body image. 2016; 17:88-99.

Latorre Roman PA, Garcia Pinillos F, Huertas H, et al. Relationship between sex, body composition, gait speed and body satisfaction in elderly people. Nutrition Hospitalaria. 2014; 30(4):851-57.

Caluête MEE, Nóbrega AJS, Gouveia RA, Galvão FRO, et al. Influência do estado nutricional na percepção da imagem corporal e autoestima de idosas. Rev Bras Geriatr Gerontol. 2015; 18(2):319-26.

Brito E, Prade LDC, Siqueira LQ, et al. Flexibilidade, imagem corporal e índice de massa corporal de idosas praticantes de alongamento no Centro Desportivo Municipal (CDM) Santa Maria/2015. Salusvita. 2016; 35(4):477-87.

Chaim J, Izzo H, Sera CTN. Cuidar em saúde: satisfação com imagem corporal e autoestima de idosos. Mundo Saude. 2009; 33(2):175-81.

Menezes TN, Brito KQD, Oliveira ECT, et al. Percepção da imagem corporal e fatores associados em idosos residentes em município do nordeste brasileiro: um estudo populacional. Cien Saude Colet. 2014; 19(8):3451-460.

Becker CB, Diedrichs PC, Jankowski G. I’m not just fat, I’m old: Has the study of body image overlooked “old talk.” Int J Eat Disord. 2013.1(1): 6.

Rumsey N. The psychology of appearance: Why health psychologists should" do looks". Eur Health Psychol. 2008. 10(3):46-50.

Santos DB, Vieira EM. Imagem corporal de mulheres com câncer de mama: uma revisão sistemática da literatura. Cienc Saude Coletiva. 2011; 16(5):2511-22.

Pereira EF, Teixeira CS, Borgatto AF, et al. Relação entre diferentes indicadores antropométricos e a percepção da imagem corporal em idosas ativas. Rev Psiquiatr Clin. 2009; 36(2):54-9.

Coutinho RX, Tomazeti RV, Costa MAF. Representação de corpo na velhice: o corpo real versus o corpo social. Rev. Kairós: Geront. 2013; 16(4):215-36.

Ferreira AA, Menezes MFG, Tavares EL, et al. Estado nutricional e autopercepção da imagem corporal de idosas de uma Universidade Aberta da Terceira Idade. Rev Bras Geriatr Gerontol. 2014; 17:289-301.

Soares PG, De Pádua TV. Relação entre cintura-quadril e imagem corporal em mulheres de meia-idade e idosas ativas fisicamente. Rev Kairós: Geront. 2014; 17(1): 283-95.

Tribess S, Virtuoso Jr JS, Petroski EL. Estado nutricional e percepção da imagem corporal de mulheres idosas residentes no nordeste do Brasil. Cienc Saude Coletiva. 2010; 15(1):31-8.

Fernandes MGM, Garcia LG. O corpo envelhecido: percepção e vivência de mulheres idosas. Interface-Comunicação, Saúde, Educação. 2010; 14(35):879-90.

Scagliusi FB, Alvarenga M, Polacow VO, Cordás TA, Queiroz GKO, Coelho D, et al. Concurrent and discriminant validity of the Stunkard’s figure rating scale adapted into Portuguese. Appetite 2006;47(1):77-82.

Petroski EL, Pelegrini A, Glaner MF. Motivos e prevalência de insatisfação com a imagem corporal em adolescentes. Cien Saude Colet 2012; 17(4):1071-1077.

Moraes C, Anjos LA, Marinho SMSA. Construção, adaptação e validação de escalas de silhuetas para autoavaliação do estado nutricional: uma revisão sistemática da literatura. Cad Saude Publica. 2012; 28(1):7-19.

Côrtes MG, Meireles AL, Friche AAL, Caiaffa WT, Xavier CC. O uso de escalas de silhuetas na avaliação da satisfação corporal de adolescentes: revisão sistemática da literatura. Cad Saúde Pública. 2013; 29:427-44.

Pelegrini A, Petroski EL. Inatividade física e sua associação com estado nutricional, insatisfação com a imagem corporal e comportamentos sedentários em adolescentes de escolas públicas. Rev Pau Pediatria. 2009; 27(4): 366-73.

Clarke LH, Korotchenko A. Aging and the Body: A Review. Can J Aging. 2011; 30: 495-510.

Roy M, Payette H. The body image construct among Western seniors: A systematic review of the literature. Arch Gerontol Geriatr. 2012; 55:505-21.

Tiggemann M. Considerations of positive body image across various social identities and special populations. Body Image. 2015; 14:168-76.

Leal SA. Estado de saúde auto-percebido, índice de massa corporal e percepção da imagem corporal em utentes dos cuidados de saúde primários [dissertação]. Lisboa: Universidade de Lisboa; 2009.

Fonseca CC, Gama EF, Thurm BE, et al. Benefícios da estimulação perceptual corporal no esquema corporal de idosos. Rev Bras Geriatr Gerontol. 2012; 15(2):353-64.

Calzo JP, Sonneville KR, Haines J, et al. The Development of Associations Among BMI, Body Dissatisfaction, and Weight and Shape Concern in Adolescent Boys and Girls. J Adolesc Health. 2012; 51:517-23.




DOI: https://doi.org/10.5902/2236583436223

Direitos autorais 2019 Saúde (Santa Maria)

______________________________________________________________

Peridiocidade: Fluxo Contínuo.


Qualis:


Interdisciplinar e Educação Física - B3

Ciências Ambientais, Enfermagem, Odontologia e Saúde Coletiva - B4

Medicina Veterinária - B5

Biotecnologia e Ciências Biológias II - C

  

 Licença Creative Commons 

Saúde (Santa Maria) ∴ revistasaude.ufsm@gmail.com

eISSN 2236-5834 ∴ DOI 10592/22365834

 

Acessos desde 08/08/2013.