Acidentes ocupacionais com materiais perfurocortantes entre os trabalhadores do serviço de limpeza

Silmara Meneguin, Jairo Aparecido Ayres, Renata Kimie Morine

Resumo


Doi: 10.5902/2179769214612

Objetivo: analisar o perfil dos acidentes com materiais perfurocortantes ocorridos entre os trabalhadores do serviço de limpeza, de um hospital de ensino do interior de São Paulo. Método: estudo retrospectivo em que se utilizou para a coleta dos dados 377 fichas de Comunicação de Acidente de Trabalho, notificadas por trabalhadores terceirizados do serviço de limpeza de hospital universitário do interior de São Paulo, no período de janeiro de 2000 a dezembro de 2008. Resultados: foram registrados 184 acidentes, média de 1,70 por mês, predominantemente em mulheres (89,6%), na faixa etária de 21 a 39 anos (69%), principalmente nas enfermarias (39,7%), no período diurno (75,4%) e com agulhas (65,3%). Conclusão: esses achados reforçam não somente a necessidade da implementação de programas eficazes na prevenção de acidentes com materiais perfurocortantes, mas também valorização dos fatores individuais e institucionais envolvidos no processo, a fim de assegurar práticas hospitalares mais seguras. 


Palavras-chave


Saúde do Trabalhador; Acidentes de trabalho; Serviço hospitalar de limpeza; Riscos ocupacionais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2179769214612



Licença Creative Commons
Este site está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.