USE TABERIA AUREA (BENTH. & HOOK.) IN URBAN AFFORESTATION OF THE SÃO JOSÉ DO SERIDÓ CITY

Josimar Araújo Medeiros

Abstract


The paper presents results of a survey developed by planting Craibeira (Tabebuia aurea), in urban areas, with the purpose of beautification, improvement of thermal comfort and increased biodiversity city in São José do Seridó / RN. This is a biome found in xerophytic scrub with important socioeconomic and environmental properties. In 2008, the plants were brought from the field, aside from easy regeneration area with total height (TH) varying between 0.90 m and 1.30 m. On occasion, were placed in plastic containers and maintained at the production of seedlings of the municipality, until the permanent planting in March 2009. Altogether 135 seedlings were planted. The trees will contribute to relief urban aspect and climate, desertification and mitigate the capture of carbon dioxide. The evaluation conducted in May 2012 there was a variation in total height between 1.2 and 4.0 meters. All plants were alive. The plants grew faster, were already producing flowers and seeds.

Keywords


Indigenous species; landscape; thermal comfort; city.

References


ALBUQUERQUE, R. M.; LIRA FILHO, J. A. SANTOS, R. V. INDICAÇÃO DE ESPÉCIES DE PORTE ARBÓREO PARA A ARBORIZAÇÃO URBANA NO SEMI-ÁRIDO PARAIBANO, 2011. Disponível em: < www.revsbau.esalq.usp.br/volume6numero12011/planejamento_urbana.php>. Acesso em: 14 de maio de 2012.

BRASIL, Ministério do Meio Ambiente (MMA). Programa de Ação Nacional de Combate a Desertificação e Mitigação dos Efeitos das Secas – PAN-Brasil. Brasília: MMA, 2004.

DUQUE, J. G. Solo e água no polígono das secas. 5 ed. Mossoró: Fundação Guimarães Duque, 1980 .

FELIPE, J. L. A.; CARVALHO, E. A. de. Atlas escolar do Rio Grande do Norte. João Pessoas: Grafset, 2001.

FERREIRA; R. N.; CUNHA, M. C. L. ASPECTOS MORFOLÓGICOS DE SEMENTES, PLÂNTULAS E DESENOVOLVIMENTO DA MUDA DE CRAIBEIRA (Tabebuia caraíba) (Mart.) Bur.) – BIGNONIACEAE E PEREIRO (Aspidosperma pyrifolium Mart.) – APOCYNACEAE. Revista brasileira de sementes. V.22, n. 1, 2000. p. 134-143.

FERRI, M. G. Vegetação brasileira. – Belo Horizonte: Itatiaia; São Paulo: Universidade de São Paulo, 1980.

GOMES, E. C. S. et al. PLANTAS DA CAATINGA DE USO TERAPÉUTICO: LEVANTAMENTO ETNOBOTÂNICO, 2008. Disponível em: <189.20.243.4/ojs/engenhariaambiental/include/getdoc.php?id.... > Acesso em 14 de maio de 2012.

LACERDA, R. M. A.; LIRA FILHO, J. A.; SANTOS, R. V. INDICAÇÃO DE ESPÉCIES DE PORTE ARBÓREO PARA A ARBORIZAÇÃO URBANA NO SEMI-ÁRIDO PARAIBANO, 2011. Disponível em: . Acesso em 16 de maio de 2012.

LOMBARDO, M. A. Ilha de calor nas metrópoles. São Paulo: HUCITEC, 1985.

LORENZI, H. Árvores brasileira: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. Nova Odessa: Ed. Plantarium, 1992. 352p.

MACHADO et al. ÁRVORES NATIVAS PARA ARBORIZAÇÃO DE TERESINA, PIAUÍ, 2006. Disponível em: < http://www.revsbau.esalq.usp.br/artigos_cientificos/artigo02.pdf>. Acesso em: 14 de maio de 2012.

MELO FILHO, L. E. Arborização urbana. In: ENCONTRO NACIONAL SOBRE ARBORIZAÇÃO URBVANA, 1985, Porto Alegre, Anais. Porto Alegre: Secretaria Municipal de Meio Ambiente, 1985.

MENDES, Benedito Vasconcelos. Biodiversidade e desenvolvimento sustentável do semi-árido. Fortaleza: SEMACE, 1997.

MORAIS, I. R. D.; MEDEIROS, J. A. DESERTIFICAÇÃO: nas entrelinhas do saber teórico-prático. – Mossoró: Fundação Vint–u Rosado, 2010.

MEDEIROS, J. A. Convivendo com a seca & combatendo a desertificação: novos olhares. Caicó/RN: [s.n.], 2008.

MEDEIROS, J. A. O COMBATE AO PROCESSO DE DESERTIFICAÇÃO COM O PLANTIO DA FAVELA EM ÁREAS DE PASTOREIO, 2012. Disponível em: . Acesso em 25 de agosto de 2012.

MUNEROLI, C. C. ARBORIZAÇÃO URBANA: ESPÉCIES ARBÓREAS NATIVAS E A CAPTURA DO CARBONO ATMOSFÉRICO. 2009. 137f. Dissertação (Mestrado). UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO. FACULDADE DE ENGENHARIA E ARQUITETURA. PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA, Passo Fundo, 2009.

MUNEROLI, C. C.; MASCARÓ, J. J. ARBORIZAÇÃO URBANA: USO DE ESPÉCIES ARBÓREAS NATIVAS NA CAPTURA DO CARBONO ATMOSFÉRICO, 2010. Disponível em: < http://www.revsbau.esalq.usp.br/artigos_cientificos/artigo107-publicacao.pdf>. Acesso em 7 de maio de 2012.

OLIVEIRA-GALVÃO, A. L. C. de. RECONHECIMENTO DA SUSCEPTIBILIDADE AO DESENVOLVIMENTO DE PROCESSOS DE DESERTIFICAÇÃO NO NORDESTE BRASILEIRO, A PARTIR DA INTEGRAÇÃO DE INDICADORES AMBIENTAIS. 2001. 280f. Tese (Doutorado). INSTITUTO DE GEOCIÊNCIAS, UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA, BRASÍLIA, 2001.

OLIVEIRA, G. S. Mudanças climáticas. – Brasília: MEC, SEB; MCT, AEB, 2009. (Coleção explorando o ensino; v.13)

PEREIRA, D. D. Plantas, prosa e poesia do Semi-árido. Campina Grande, PB: EDUFCG, 2005.

R

ACHID, C. Estudo da eficiência de dois métodos de amostragem de árvores de rua na cidade de São Carlos – SP. Scientia Forestalis. n. 56, dez. 1999. p. 59-68

SAMPAIO, E. V. S. B., et al. Espécies da flora nordestina de importância econômica potencial. Recife: APNE, 2005.

SHAMS, J. C. A.; GIACOMELI, D. C.; SUCOMINE, N. M. EMPREGO DA ARBORIZAÇÃO NA MELHORIA DO CONFORTO TÉRMICO NOS ESPAÇOS LIVRES PÚBLICOS, 2009. Disponível em: < http://www.revsbau.esalq.usp.br/>. Acesso em: 6 de maio de 2012.

TUDINI, O. G. A ARBORIZAÇÃO DE ACOMPANHAMENTO VIÁRIO E A VERTICALIZAÇÃO DA ZONA 7 DE MARINGÁ-PR. 2006. 150f. Dissertação (Mestrado). UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ. CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES. MARINGÁ, 2006.




DOI: https://doi.org/10.5902/223611708698



DEAR AUTHORS,

PLEASE, CHECK CAREFULLY BEFORE YOUR SUBMISSION:

- IF ALL AUTHORS "METADATA" (ORCID, LINK TO LATTES, SHORT BIOGRAPHY, AFFILIATION) WERE ADDED,

- THE CORRECT IDIOM YOUR SECTION,

- IF THE HIGHLIGHTS WERE ADDED,

- IF THE GRAPHIC ABSTRACTS WAS ADDED,

- IF THE REVIEWERS INDICATION WAS DONE,

- IF THE REFERENCES FORMAT ARE CORRECT(ABNT)

- IF THE RESOLUTION YOUR FIGURES (600 DPI) ARE SUITABLE

*******************************

PREZADOS AUTORES,

POR FAVOR, VERIFIQUE ATENTAMENTE ANTES DA SUBMISSÃO: 
- SE OS METADADOS (ORCID, LINK PRO LATTES, CURTA BIOGRAFIA E AFILIAÇÃO) DE "TODOS" OS AUTORES FORAM ADICIONADOS, 
- IDIOMA, 
- SE OS HIGHLIHTS FORAM ADICIONADOS, 
- SE O GRAPHICAL ABSTRACT FOI ADICIONADO, 
- SE A INDICAÇÃO DOS REVISORES FOI FEITA, 
- SE O FORMATO DAS REFERÊNCIAS ESTÁ ADEQUADO (ABNT) 
- SE A RESOLUÇÃO SUAS FIGURAS (600 DPI) ESTÁ ADEQUADA.

 

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

 

**************************************************

WE ARE ON FACEBOOK! (You are our guest!)

 

Digital Object Identifier (DOI): 10.5902/22361170

Contact: reget.ufsm@gmail.com

...................................................................................


Accesses since 19/06/2012

...................................................................................

Sponsors: