O PROCESSO DE LOGÍSTICA REVERSA COMO PRÁTICA DE PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE: O CASO DOS PRODUTORES AGRÍCOLAS NO DISTRITO DE SANTA FLORA/RS

Roberto Vasconcelos Boemo, Élio Sérgio Denardin, Natane de Cassia Leivas de Medeiros, Flaviani Souto Bolzan Medeiros, Maíra Nunes Piveta

Abstract


A busca contínua pela sustentabilidade e a gradativa diminuição dos impactos ao meio ambiente é o objetivo de grande parte das empresas que almejam aumentar sua competitividade no mercado. Contribuindo nesse sentido, a logística reversa passou a integrar o planejamento estratégico de muitas organizações que procuram contribuir com o desenvolvimento econômico e social do local onde estão inseridas, além de se adequarem às normas vigentes de descarte ambientalmente apropriado de resíduos sólidos. Diante disto, este artigo tem como objetivo verificar o suporte oferecido pelos fabricantes de agrotóxicos, revendedores e/ou governo para incentivar o descarte apropriado ou a devolução das embalagens vazias de agrotóxicos na percepção dos produtores agrícolas do Distrito de Santa Flora/RS. Para isso, foi aplicado um questionário a uma amostra composta por vinte produtores do referido distrito. Os resultados revelaram que os principais motivos para a devolução ou encaminhamento ao descarte adequado das embalagens vazias são a questão do aspecto legal e a preservação do meio ambiente. Quando entrevistados a respeito das principais dificuldades que enfrentam para fazer o descarte adequado, a maioria apontou o transporte como o fator mais relevante.

Keywords


Responsabilidade ambiental; Logística; Logística reversa; Embalagem; Agrotóxicos

References


ASHLEY, P. A. Ética e responsabilidade social nos negócios. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2005.

BALLOU, R. H. Logística empresarial: transportes, administração de materiais, distribuição física. São Paulo: Atlas, 1993.

BALLOU, R. H. Gerenciamento da cadeia de suprimentos: logística empresarial. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2006.

BARTHOLOMEU, D.; B; CAIXETA-FILHO, J. V. (Orgs.). Logística ambiental de resíduos sólidos. São Paulo: Atlas, 2011.

BRASIL. Política Nacional de Resíduos Sólidos: Lei nº 12.305, de 2 de agosto de 2010. Lex. Disponível em: . Acesso em: 30 set. 2013.

BÜLENT, S. The role of logistics in linking operations and marketing and influences on business performance. Journal of Enterprise Information Management, v. 18, n. 3, p. 350-356, 2005.

CLOSS, D. J.; BOWERSOX, D. J. Logística empresarial: o processo de integração da cadeia de suprimento. São Paulo: Atlas, 2004.

CHING, H. Y. Gestão de estoques na cadeia de logística integrada: supply chain. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

COELHO, L. C. O poder da embalagem na logística reversa. 2011. Disponível em: . Acesso em: 01 maio 2013.

CORRÊA, H. L.; XAVIER, L. H. Concepts, design and implementation of reverse logistics systems for sustainable supply chains in Brazil. Journal of Operations and Supply Chain Management, v. 6, n. 1, p. 1-25, 2013.

GUARNIERI, P. Logística reversa: em busca do equilíbrio econômico e ambiental. 2011. Disponível em: . Acesso em: 21 mar. 2013.

GUNNINGHAM, N. Shaping corporate environmental performance: a review. Environmental Policy and Governance, v. 19, 215-231, 2009.

KIM, D.; NAM, Y.; KANG, S. An analysis of corporate environmental responsibility on the global corporate Web sites and their dialogic principles. Public Relations Review, v. 36, n. 3, p. 285-288, 2010.

LACERDA, L. Logística reversa: uma visão sobre os conceitos básicos e as práticas operacionais. 2009. Disponível em: . Acesso em: 21 mar. 2013.

LEITE, P. R. Canais de distribuição reversos. Revista Tecnologística, São Paulo, PUBLICARE, jun. 2002.

MALHOTRA, N. K. Introdução à pesquisa de marketing. São Paulo: Pearson, 2006.

MARTINS, M. R. S.; SILVA, J. G. F. da. O sistema de gestão ambiental baseado na ISO 14000: Importância do instrumento no caminho da sustentabilidade ambiental. REGET, Santa Maria, v. 18, n. 4, p. 1460-1466, 2014.

MICHEL, M. H. Metodologia e pesquisa científica em ciências sociais: um guia prático para acompanhamento da disciplina e elaboração de trabalhos monográficos. 2. ed. São Paulo. Atlas, 2009.

NEERAJA, B.; MEHTA, M.; CHANDANI, A. Supply chain and logistics for the present day business. Procedia Economics and Finance, v. 11, p. 665-675, 2014.

NICKELS, W. G.; WOOD, M. B. Marketing: relacionamento, qualidade, valor. Rio de Janeiro. LTC, 1999.

NOVAES, A. G. Logística e gerenciamento de distribuição. Rio de Janeiro. Elsevier, 2007.

OLIVEIRA, S. Logística reversa. 2012. Disponível em: . Acesso em: 8 abr. 2013.

SILVA, M. E.; BALBINO, D. P. Criando vantagem competitiva sustentável: a responsabilidade socioambiental empresarial à luz da visão baseada em recursos. Revista Ibero-Americana de Estratégia, São Paulo, v. 12, n. 1, p. 29-53, 2013.

VERGARA, S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 15. ed. São Paulo. Atlas, 2014.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2236117018378



This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

 

**************************************************

WE ARE ON FACEBOOK! (You are our guest!)

 

Digital Object Identifier (DOI): 10.5902/22361170

Contact: reget.ufsm@gmail.com

...................................................................................


Accesses since 19/06/2012

...................................................................................

Sponsors: