ANÁLISE MULTITEMPORAL DA OCUPAÇÃO IRREGULAR NAS ÁREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANENTE (APP) SUB-BACIA DO ARROIO MANRESA - PORTO ALEGRE/RS

Jonas Milanesi, Ademir Baptista Chiappetti, Ana Regina De Moraes Soster, Everton Luís Luz de Quadros, Regis Alexandre Lahm

Resumo


O propósito deste estudo é identificar possíveis implicações socioambientais ocasionadas pela ocupação irregular em Áreas de Preservação Permanente do Arroio Manresa e seus afluentes por meio de análise multitemporal. Neste estudo, foi considerado uma escala temporal de 12 anos, no período de 2002 a 2014. Foram utilizadas imagens de satélite disponibilizadas pelo programa Google Earth Pro. Na delimitação das APPs utilizou-se a extração da rede de drenagem obtida pela plataforma TerraHidro, segundo modelagem hidrológica. Identificou-se por meio dos produtos cartográficos desenvolvidos que a ocupação irregular nas APPs da sub-bacia do Arroio Manresa tem exercido pressão sobre a biodiversidade e potencializado a vulnerabilidade social a desastres.

 

Palavras-chave: Análise multitemporal, ocupação irregular, Área de Preservação Permanente – APP, Arroio Manresa.

 

DOI: 10.5902/2236499419165

 


Texto completo:

PDF

Referências


AB’SÁBER, Aziz Nacib & MÜLLER-PLANTENBERG, Clarita (org.). Previsão de impactos: o estudo de impacto ambiental no Leste, Oeste e Sul: experiências no Brasil, na Rússia e na Alemanha. Ed São Paulo EDUSP. 573 p. 2002.

BRASIL. Lei Nº 12.651, de 25 de maio de 2012. Dispõe sobre a proteção da vegetação nativa. Disponível em: . Acesso em: outubro de 2014.

CENSO DEMOGRÁFICO 2010. Características da população e dos domicílios: resultados do universo. Rio de Janeiro: IBGE, 2011. Acompanha 1 CD-ROM. Disponível em: . Acesso em: outubro de 2015.

CORRÊA, Roberto Lobato. Espaço Urbano. SP, Ed. Ática, Série Princípios, 1989.

DEMHAB - Departamento Municipal de Habitação. Diagnóstico do Setor Habitacional de Porto Alegre. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.

DIGITALGLOBE. Google Earth – User Guide. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.

EMBRAPA - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Serviço Nacional de Levantamento e Conservação de Solos (Rio de Janeiro, RJ). Súmula da 10. Reunião Técnica de Levantamento de Solos. Rio de Janeiro, 1979. 83p.

ERPEN, Juliana. Registro de Imóveis. 1ª Zona de Porto Alegre, Livro 150 anos. Disponível em: . Acesso em: outubro de 2015.

FURTADO, Janaina Rocha. Gestão de Riscos de Desastres. Florianópolis: CEPED UFSC, 14 p. 2012.

HASENACK, Heinrich et al. (Coord.). Diagnóstico Ambiental de Porto Alegre: Geologia, Solos, Drenagem, Vegetação/Ocupação e Paisagem. Porto Alegre: Secretaria Municipal do Meio Ambiente, 2008. 84 p.

HASENACK, Heinrich; Weber, Eliseu José. 2010. Base altimétrica vetorial continua do município de Porto Alegre-RS na escala 1:1.000 para uso em sistemas de informação geográfica. Porto Alegre, UFRGS-IB-Centro de Ecologia. ISBN 978-85-63843-03-6. Disponível em . Acesso em: setembro de 2014.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo demográfico 2010, famílias e domicílios. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Sinopse do Censo e Resultados Preliminares do Universo. Disponível em: . Acesso em: outubro de 2015.

INPE - INSTITUTO NACIONAL DE PESQUISAS ESPACIAIS. Divisão de Processamento de Imagens. Software TerraHidro. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.

IPT - Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Comunicação Técnica nº 171029 - Classificação de declividade para fins de normalização geotécnica em planejamento urbano. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.

KOBIYAMA, Masato; MENDONÇA, Magaly; MORENO, Davis Anderson; MARCELINO, Isabela Pena Viana de Oliveira; MARCELINO, Emerson Vieira; GONÇALVES, Edson Fossatti; BRAZETTI, Letícia Luiza Penteado; GOERL, Roberto Fabris; MOLLERI, Gustavo Souto Fontes; RUDORFF, Frederico de Moraes. Prevenção de desastres naturais: conceitos básicos. Curitiba: Ed. Organic Trading, 2006. 109p.

MOURA, Nina Simone Vilaverde; DIAS, Tielle Soares. Ciência e Natura – UFSM. Elaboração do Mapa Geomorfológico do Município de Porto Alegre - RS. 2012/13. p. 113-138.

PDDUA - Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental. Áreas Especiais de Interesse Social. Disponível em: . Acesso em: outubro de 2014.

PDDUA - Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental. Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental. Disponível em: . Acesso em: outubro de 2015.

QGIS. Open Source Geographic Information System (GIS). Disponível em: . Acesso em: setembro de 2014.

RODRIGUES, Grasiela de Oliveira; NOBRE, Antonio Donato; SILVEIRA, André Carvalho; CUARTAS, Luz Adriana. Efeitos da resolução espacial de dados SRTM na descrição de terrenos obtida pelo modelo HAND (Height Above the Nearest Drainage) – estudo de caso em Manaus/AM. In: Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto (SBSR), 15, 2012, Curitiba. Anais... São José dos Campos: INPE, 2011. Artigos, p. 5776-5776. CD-ROM, On-line. ISBN 85-17-00018-8. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.

SANTOS, Milton. A Natureza do Espaço: Técnica e Tempo, Razão e Emoção. Ed São Paulo EDUSP. 260 p. 2006.

SECRETARIAT OF THE CONVENTION ON BIOLOGICAL DIVERSITY. (2012) Cities and Biodiversity Outlook. Montreal, 64 p.

SEMA – Secretaria Estadual do Meio Ambiente. Diretrizes ambientais para restauração de matas ciliares. Departamento de Florestas e Áreas Protegidas. Porto Alegre. 33 p. 2007.

SILVA, José Antônio Aleixo da; NOBRE, Antonio Donato; JOLY, Carlos Alfredo; NOBRE, Carlos Afonso; MANZATTO, Celso Vainer; FILHO, Elibio Leopoldo Rech; SKORUPA, Ladislau Araújo; CUNHA, Maria Manuela Ligeti Carneiro da; MAY, Peter Herman; RODRIGUES, Ricardo Ribeiro; AHRENS, Sérgio; SÁ, Tatiana Deane de Abreu; AB’SÁBER, Aziz Nacib. O Código Florestal e a Ciência: Contribuições para o Diálogo / Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, Academia Brasileira de Ciências. Organização Grupo de Trabalho do Código Florestal. 2. ed. rev. – São Paulo: SBPC, 2012. 294 p.

SPM - Secretaria de Planejamento Municipal. Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental de Porto Alegre. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.

SUERTEGARAY, Dirce Maria Antunes; FUJIMOTO, N. S. V. MOURA. Morfogênese do relevo do Estado do Rio Grande do Sul. In: VERDUM, R., BASSO, L. A., SUERTEGARAY, D. M. A. (Orgs.) Rio Grande do Sul: paisagens e territórios em transformação. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2004. 11-26p.

UNISDR - The United Nations Office for Disaster Risk Reduction. Terminology, disaster risk. Disponível em: . Acesso em: novembro de 2014.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2236499419165

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Indexações e Bases Bibliográficas