ESTEREÓTIPOS DE GÊNERO, DIVISÃO SEXUAL DO TRABALHO E DUPLA JORNADA

Giovana Duarte, Letícia Machado Spinelli

Resumo


Este texto pretende explorar o lugar das mulheres no trabalho formal e informal tomando “gênero” enquanto categoria de análise teórica e política. Dentro desse amplo espectro, três abordagens serão fundamentais: a construção de estereótipos de gênero, que fomenta e delimita o espaço de identidade e atuação da mulher; a divisão sexual do trabalho que mantém a mulher diretamente vinculada aos cuidados domésticos e, a dupla jornada, resultado da conjunção entre o ingresso das mulheres no mundo do trabalho produtivo e seu vínculo culturalmente forjado com a esfera doméstica.

Palavras-chave


Gênero; Estereótipos; Trabalho; Dupla jornada

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2317175836316

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

 

Revista Sociais e Humanas (ISSN online 2317-1758)

Universidade Federal de Santa Maria | Centro de Ciências Sociais e Humanas

Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil.

E-mail: revistaccsh@gmail.com | Telefone: (55) 32208522


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.