CULTURA E SOCIEDADE NO SISTEMA CULINÁRIO DA MANDIOCA NO BRASIL

Ricardo Frota de Albuquerque Maranhão, Senia Regina Bastos, Marilia Malzoni Marchi

Resumo


Cultura e Sociedade no Sistema Culinário da Mandioca no Brasil foi elaborado a partir da premissa de que as escolhas alimentares dos grupos sociais são fatos culturais. E também da premissa que a cozinha ou culinária permeia a vida cotidiana e os costumes, tanto no que diz respeito aos ingredientes quanto às receitas, às formas de preparo e aos seus respectivos utensílios. O conhecimento histórico e antropológico das atividades de produção de alimentos entre os indígenas brasileiros permite realçar a importância crucial dos derivados da mandioca em seu cotidiano, sua vida e sua hospitalidade, que se procura descrever neste artigo; ao mesmo tempo, revela-se a existência de um verdadeiro sistema tecnológico de produção, o Sistema Culinário da Mandioca. Ele foi analisado aqui em quatro momentos: o que diz respeito ao ingrediente ou matéria prima, a mandioca do ponto de vista físico; o segundo, que diz respeito à explicação de sua origem e sua prática social ou sua cultura; o terceiro, que se refere à técnica e aos seus usos, que vão do plantio à obtenção dos produtos do Sistema; estes três momentos, metodologicamente informados pela antropologia e pela história, precedem o quarto momento, em que uma análise formal do conteúdo de uma obra de arte histórica permite enfatizar a importância dessa raiz na vida e na cultura de nossos indígenas.


Palavras-chave


Cultura da mandioca; Sistema culinário; Subprodutos da mandioca; Hospitalidade; Cultura indígena

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/2317175816893



 

Revista Sociais e Humanas (ISSN online 2317-1758)

Universidade Federal de Santa Maria | Centro de Ciências Sociais e Humanas

Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil.

E-mail: revistaccsh@gmail.com | Telefone: (55) 32208522


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.