ADESÃO AO AUTOCUIDADO NO TRATAMENTO DOS PACIENTES DIABÉTICOS NA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DE CAJAZEIRAS-PB.

Anna Valéria Duarte Calixto, Mateus Andrade Ferreira, José Vinícius de Souza, José Isaac Alves Andrade, Rafaelle Cavalcante Lira

Resumo


Objetivo: Este estudo teve como objetivo avaliar o autocuidado frente ao tratamento e as práticas relativas à dieta, cuidados de saúde e atividade física dos pacientes diabéticos, assim como conhecer o perfil sociodemográfico. Métodos: estudo de campo do tipo descritivo com abordagem quantitativa, realizado com adultos diabéticos tipo 2 cadastrados na UBS, Cajazeiras-PB. Os dados foram coletados durante o HIPERDIA no segundo semestre de 2019 mediante entrevista estruturada utilizando os questionários de Caracterização Sociodemográfico, Caracterização do Diagnóstico, Tratamento e Controle, e Atividades de Autocuidado com o Diabetes. Os dados foram avaliados por meio de estatística descritiva e os da­dos apresentados em tabelas com valores absolutos e porcentagens. Resultados: Com relação aos dados sociodemográficos, a maioria era do sexo feminino, tinha a faixa etária de 46 a 60 anos, eram solteiros, moravam sozinhos, possuía apenas o ensino fundamental incompleto, e recebiam menos de um salário mínimo. As principais comorbidades relatadas e relacionadas ao DM2 foram: hipertensão arterial, sobrepeso e/ou obesidade e dislipidemia. Com relação ao tratamento, a dieta e medicação foram a primeira escolha, destacando a Metformina para controle glicêmico. Com relação ao Questionário de Atividades de Autocuidado com o Diabetes, relataram tentar manter uma alimentação equilibrada e não ter praticado nenhum tipo de atividade física. Por fim, os dados mostraram um resultado extremamente positivo sobre o uso dos medicamentos. Considerações finais: Os voluntários com DM2 apresentaram boa adesão ao tratamento medicamentoso e baixa adesão ao não medicamentoso, indicando que a equipe da UBS precisa ampliar a implantação de ações de promoção da saúde, prevenção e controle da doença e suas complicações.


Palavras-chave


Diabetes Mellitus. Cooperação e Adesão ao Tratamento. Autocuidado.

Texto completo:

PDF

Referências


Machado APMC, Santos ACG, Carvalho KKA, Gondim MPL, Bastos NP, Rocha JVS, Sá FA. Avaliação da adesão ao tratamento de pacientes com diabetes mellitus e seus fatores associados. Revista Eletrônica Acervo Saúde, n. 19, p. e565-e565, 2019.

Sociedade Brasileira de Diabetes. Diretrizes. Rio de Janeiro: SBD; 2019 [acesso em 20 out 2019]. Disponível em: https://www.diabetes.org.br/

Czech, MP. Insulin action and resistance in obesity and type 2 diabetes. Nature medicine, v. 23, n. 7, p. 804, 2017.

Petersen MC, Shulman GI. Mechanisms of insulin action and insulin resistance. 2018. Physiological reviews, v. 98, n. 4, p. 2133-2223.

Chellappan DK, Yap WS, Bt Ahmad Suhaimi NA, Gupta G, Dua K. Current therapies and targets for type 2 diabetes mellitus. Panminerva Med. 2018;60(3):117-131. doi:10.23736/S0031-0808.18.03455-9.

Zanetti ML, Arrelias CCA, Franco RC, Santos MA, Rodrigues FFL, Faria HTG. Adesão às recomendações nutricionais e variáveis sociodemográficas em pacientes com diabetes mellitus. Rev. esc. enferm. USP vol.49 no.4 São Paulo July/Aug. 2015.

Costa SS et al. Adesão de idosos com diabetes mellitus à terapêutica: revisão integrativa. Cogitare enfermagem, v. 22, n. 3, 2017.

Groff DP, Simões PWTA, Fagundes ALSC. Adesão ao tratamento dos pacientes diabéticos tipo II usuários da es-tratégia saúde da família situada no bairro Metropol de Criciúma, SC Adherence to treatment in type II diabetic patients users of the health strategy of the family located in the district of Metropol, Criciúma, SC. Arquivos Catarinenses de Medicina, v. 40, n. 3, 2011.

Michels MJ et al. Questionário de Atividades de Autocuidado com o Diabetes: tradução, adaptação e avaliação das propriedades psicométricas. Arq. Bras. Endocrinol. Metab., v. 54, n. 7, p. 644-51, 2010.

Meiners MMMA et al. Acesso e adesão a medicamentos entre pessoas com diabetes no Brasil: evidências da PNAUM. 2017. Rev. bras. epidemiol. vol.20, n.3, pp.445-459. ISSN 1980-5497.

Palota L. Adesão ao tratamento da hipertensão arterial: estudo entre usuários cadastrados no Centro de Saúde de um município do interior paulista. Ribeirão Preto 2010. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

Rodriguez ML et al. Prevalencia y factores asociados a la adherencia al tratamiento no farmacológico en pacientes con hipertensión y diabetes en servicios de baja complejidad. 2015. Rev. Fac. Nac. Salud Pública; 33 (2): 192-199.

Ribeiro JP, Rocha AS, Popim RC. Compreendendo o significado de qualidade de vida segundo idosos portadores de diabetes mellitus tipo II. Esc. Anna Nery.

Borba AKOT, Marques APO, Ramos VP, Leal MCC, Arruda IKG, Ramos RSPS. Fatores associados à adesão terapêutica em idosos diabéticos assistidos na atenção primária de saúde. Rio de Janeiro Mar. 2018. Ciênc. saúde coletiva vol.23 no.3.

Gomes-villas boas LC, Foss-freitas MC, Pace AE. Adesão de pessoas com diabetes Mellitus tipo 2 ao tratamento medicamentoso. Rev Bras Enferm. 2014[citado em 2019 mar. 25]; 67(2):268-73.

Marçal DFS, Alexandrino EG, Cortez LER, Bennemann RM. Efeitos do exercício físico sobre diabetes mellitus tipo 1: uma revisão sistemática de ensaios clínicos e randomizados. June 07, 2018. J. Phys. Educ. vol.29 Maringá 2018 Epub.

Amer FA, Malik S, Mohamed MS, Elbur AI, Abdelaziz SI, Elrayah ZE. Influence of Self-Efficacy Management on Adherence to Self-Care Activities and Treatment Outcome Among Diabetes Mellitus Type 2. Outubro/dez 2018. Pharm. Pract. (Granada). 16(4): 1274.

Assunção SC, Fonseca AP, Silveira MF, Caldeira AP, Pinho LD. Conhecimento e atitude de pacientes com diabetes mellitus da Atenção Primária à Saúde. Escola Anna Nery, v. 21, n. 4, 2017.

Machado APMC, Santos ACG, Carvalho KKA, Gondim MPL, Bastos NP, Rocha JVS, Sá FA. Avaliação da adesão ao tratamento de pacientes com diabetes mellitus e seus fatores associados. Revista Eletrônica Acervo Saúde, n. 19, p. e565-e565, 2019.

Alshehri KA, Altuwaylie TM, Alqhtani A, Albawab AA, Almalki AH. Type 2 Diabetic Patients Adherence Towards Their Medications. Fevereiro de 2020. Cureus.; 12(2): e6932.

Barros MJR, Sobrinho ML, Olivindo DDF. Adesão ao tratamento do diabetes mellitus tipo 2: Um desafio para os profissionais de enfermagem. Research, Society and Development, v. 9, n. 7, p. e859974907-e859974907, 2020.




DOI: https://doi.org/10.5902/2236583453344

Direitos autorais 2021 Saúde (Santa Maria)

______________________________________________________________

Peridiocidade: Fluxo Contínuo.


Qualis:


Interdisciplinar e Educação Física - B3

Ciências Ambientais, Enfermagem, Odontologia e Saúde Coletiva - B4

Medicina Veterinária - B5

Biotecnologia e Ciências Biológias II - C

  

 Licença Creative Commons 

Saúde (Santa Maria) ∴ revistasaude.ufsm@gmail.com

eISSN 2236-5834 ∴ DOI 10592/22365834

 

Acessos desde 08/08/2013.