Diagnósticos de enfermagem ao paciente hospitalizado para correção de aneurisma de aorta

Priscilla Veronica Ribeiro, Paula Cristina Nogueira, Vanessa de Brito Poveda

Resumo


RESUMO: Objetivo: identificar os Diagnósticos de Enfermagem (DE) mais frequentes aos pacientes hospitalizados para correção de aneurisma de aorta, elencados pelos enfermeiros de uma instituição hospitalar especializada em doenças cardiovasculares, e descrever o perfil sociodemográfico e clínico desses pacientes. Método: estudo exploratório, descritivo, retrospectivo e quantitativo. Foram revisados prontuários de 65 pacientes com diagnóstico de aneurisma de aorta.  Os dados foram analisados de forma quantitativa empregando-se estatística descritiva. Resultados: a maioria dos indivíduos era do sexo masculino (69,2%), sedentários (83,1%) e hipertensos (56,9%). Os diagnósticos de enfermagem mais prevalentes foram: Risco de infecção, Risco de constipação, Risco de privação do sono, Risco para débito cardíaco diminuído, Rompimento do vínculo familiar e Risco de queda. Considerações finais: para elencar DE fidedignos, o enfermeiro deve usar sua competência, habilidade e conhecimento técnico-científico para fixar prioridades condizentes com o estado presente de saúde do paciente e assim instituir intervenções assertivas e resolutivas.


Palavras-chave


Aneurisma; Aneurisma aórtico; Diagnóstico de enfermagem; Enfermagem

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2179769225703