OS MILITARES DE ESQUERDA COMO MONSTROS POLÍTICOS: A PARTIR DA RESSIGNIFICAÇÃO DA MEMÓRIA DE 35

Ronaldo Queiroz de Morais

Resumo


A presente escritura tem por objetivo esboçar algumas
questões, centradas no processo militar de
monstrualização da esquerda política a partir da
ressignificação da memória de 35. Com efeito, pretendemos
historiar o papel estratégico da banalização dos comunistas,
ou seja, a sua efetiva transformação em monstro
político – em suma, a história da sujeição do corpo “anormal”,
a fim de fomentar a coesão total no interior da caserna.

Palavras-chave


Militares. Esquerda. Memória

Texto completo:

PDF




 

Revista Sociais e Humanas (ISSN online 2317-1758)

Universidade Federal de Santa Maria | Centro de Ciências Sociais e Humanas

Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil.

E-mail: revistaccsh@gmail.com | Telefone: (55) 32208522


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.