A GESTÃO PARTICIPATIVA E A EDUCAÇÃO INTERTRANSCULTURAL

Ana Angélica de Oliveira Ferreira Caetano, Carla Patrícia Quintanilha Corrêa

Resumo


Este trabalho aborda a importância da gestão participativa como pré-requisito para o desenvolvimento de uma educação intertranscultural. Inicialmente propõe uma análise acerca da evolução dos estudos culturais no campo educacional, procurando delimitar teoricamente alguns conceitos relevantes como: multiculturalismo, interculturalismo,  transculturalismo e, sobretudo, intertransculturalismo. Em seguida, discute a relação entre a realização da intertransculturalidade e a prática da gestão democrática e participativa, no contexto do projeto de escola cidadã. Por fim, aborda o planejamento participativo e, consequentemente, o projeto político-pedagógico como mecanismos de promoção de uma educação intertranscultural e da formação de cidadãos conscientes, críticos e participativos.

Palavras-chave


Estudos culturais; Escola cidadã; Gestão democrática

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/2317175817771



 

Revista Sociais e Humanas (ISSN online 2317-1758)

Universidade Federal de Santa Maria | Centro de Ciências Sociais e Humanas

Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil.

E-mail: revistaccsh@gmail.com | Telefone: (55) 32208522


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.