Dificuldades Históricas do Regime Jurídico Brasileiro: Origens da Crise do Direito e do Estado

Joséli Fiorin Gomes

Resumo


Trata-se de uma reflexão a respeito da implementação do ensino jurídico, em nível universitário, no Brasil e a que propósitos esta obedeceu, bem como do implemento dos cursos jurídicos, em período anterior, na Europa Ocidental. As origens e causas da grave crise que há muito assola o Direito e o Estado, devem ser buscadas através da revisão de paradigmas que permeiam o seu estudo e ensino. A adoção e aplicação de tais paradigmas fez com o que o direito fosse considerado uma ciência fechada em si mesma. Para que se possa sugerir soluções, visando ao rompimento do círculo vicioso em que esse está situado, é preciso modificar um ensino jurídico ocioso na produção cultural  e científica, pois o Direito não se encontra isolado no seio  da sociedade, mas com todos os demais sistemas e indivíduos  que a compõem está relacionado, desde a formação das primeiras civilizações, e assim, de igual modo, deve ser seu ensino.


Palavras-chave


Ensino jurídico; Evolução do direito; Evolução do estado

Texto completo:

PDF




 

Revista Sociais e Humanas (ISSN online 2317-1758)

Universidade Federal de Santa Maria | Centro de Ciências Sociais e Humanas

Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil.

E-mail: revistaccsh@gmail.com | Telefone: (55) 32208522


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.