Práticas de Administração Pública https://periodicos.ufsm.br/pap <p>A Revista Práticas em Administração Pública -PAP (ISSN 2526-6292) tem como escopo contribuir para o debate e a construção do conhecimento em: Governança e Administração Pública, Políticas Econômicas e Planejamento Governamental, Contabilidade Pública, Direito Econômico e Sociologia das Organizações, Políticas Públicas e outras.</p> pt-BR <p>Será exigida de todos os autores de artigos aceitos para publicação na PAP - Práticas de Administração Pública a Declaração de Direitos Autorais, na qual, os autores concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a <span> </span><a href="http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0/" rel="license">Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional</a>.</p> revistapap@ufsm.br (Reisoli Bender Filho) revistapap@ufsm.br (Reisoli Bender Filho) Mon, 28 Feb 2022 12:27:39 -0300 OJS 3.3.0.10 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 EDITORIAL https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/69418 Reisoli Bender Filho; Daniel Arruda Coronel, Kelmara Mendes Vieira Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/69418 Sun, 27 Feb 2022 00:00:00 -0300 PRESÍDIOS BRASILEIROS E PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA: O CASO DE RIBEIRÃO DAS NEVES/MG E A ATRATIVIDADE ECONÔMICO-FINANCEIRA AO PRIVADO https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/63859 <p>Existe uma razoável literatura a respeito de parcerias público-privadas (PPP) prisionais concentrada principalmente nos seus aspectos legais. À medida que os governos mundiais passam por restrições orçamentárias e que a capacidade de pagamento dos contribuintes se encontra no limite, a discussão sobre PPP prisional forçosamente tem de envolver também os aspectos econômico-financeiros de sua adoção. Uma PPP prisional apresenta características de um negócio. Em tese, as receitas dos presídios são garantidas pelo Estado pelos serviços prestados aos apenados. A literatura não registra se as PPP prisionais são realizadas com base em estudos de viabilidade (<em>value for money</em>). Este artigo de caráter empírico amplia a utilização de conceitos e métodos de análise de investimentos na administração da justiça prisional e avalia do ponto de vista do Estado a viabilidade financeira da PPP do presídio de Ribeirão das Neves, localizado na capital de Minas Gerais. Os resultados da avaliação se mostraram favoráveis a parceria, dadas as suposições assumidas. A principal limitação do estudo diz respeito a quantificação dos riscos políticos e de inadimplência na expressão da taxa privada de desconto.</p> Carlos Henrique Rocha, Carlos Alberto A. Vitoi Copyright (c) 2022 Práticas de Administração Pública http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/63859 Sun, 27 Feb 2022 00:00:00 -0300 ASPECTOS DO TRABALHO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES NO CONTRABANDO DE CIGARRO EM TRÊS CIDADES FRONTEIRIÇAS BRASILEIRAS https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/68478 <p>Este artigo objetiva levantar e analisar aspectos do trabalho de menores no contrabando de cigarro em 3 cidades fronteiriças (Foz do Iguaçu e Guaíra/PR e Ponta Porã/MS), a partir de percepções extraídas de pesquisa de campo junto aos principais atores ao entorno desse ato infracional. Como resultado, o dissabor do cigarro, que antes era de saúde pública, agora é de saúde pública, de segurança e também social, pois envolve o trabalho de menores (para essas 3 cidades) comprovado por profissionais com anos de experiência e conhecimento de causa na área.</p> Pery Francisco Assis Shikida Copyright (c) 2022 Práticas de Administração Pública http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/68478 Sun, 27 Feb 2022 00:00:00 -0300 PLANEJAMENTO E DESIGN INSTRUCIONAL DE UM MÓDULO INFORMATIZADO DE TRILHAS DE APRENDIZAGEM POR COMPETÊNCIAS. https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/64039 <p>Trilhas de aprendizagem descritas como caminhos alternativos que o aprendiz pode seguir para desenvolver as competências necessárias a instituição. Assim, para desenvolver uma dada competência, o aprendiz poderia escolher um curso presencial, um curso a distância ou a leitura de um livro, por exemplo. A despeito de suas inúmeras vantagens serem amplamente descritas na literatura, são raros os trabalhos que discutem o planejamento, a metodologia e ferramentas tecnológicas para formatação de trilhas. O presente trabalho avalia o planejamento, a utilização da metodologia de design instrucional e o desenho de um módulo informatizado para propor e monitorar trilhas de aprendizagem. Desta forma, os dados levantados constataram: a inexistência de um modelo linear de trilhas de aprendizagem para atender as instituições, ainda, a probabilidade de êxito em planejar e utilizar o modelo de Instructional Design Made Easy devido a constatação de acréscimo de repertório após a conclusão do teste de design das trilhas pelos aprendizes, o que possibilitou desenhar um protótipo de um módulo informatizado de trilhas de aprendizagem e agregar ao sistema de mapeamento de competências GESTCOM.</p> Rosana Augusto Chagas, Nuno Magalhães Ribeiro, Thiago Dias Costa Copyright (c) 2022 Práticas de Administração Pública http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/64039 Sun, 27 Feb 2022 00:00:00 -0300 PRODUÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO SOBRE ASSÉDIO MORAL NO BRASIL: COMPARAÇÃO COM OS “HOT TOPICS” INTERNACIONAIS https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/64884 <p>Este artigo tem como objetivo levantar quantitativamente as publicações internacionais e brasileiras, no período de 2009 a 2018, sobre a temática assédio moral, com a finalidade de identificar se os tópicos relacionados à administração são considerados “<em>hot topics</em>” quando combinados ao assédio e identificar se os principais autores internacionais são citados nos estudos nacionais. Para isso, utilizou-se as bases de dados <em>Web of Science</em> e <em>Scientific Periodicals Electronic Library</em> –<em> Spell. </em>Constatou-se que o número de publicações internacionais cresceu em especial nos últimos quatro anos, as classificações concentram os maiores percentuais em publicações americanas e estão relacionadas à saúde e às áreas das ciências sociais. Dentre os tópicos combinados a assédio, apenas a categoria <em>Management</em> (Gestão) obteve classificação como <em>“hot topic”. </em>Quanto aos estudos nacionais, observou-se que não apresentam uma regularidade por ano; o maior foco de estudos é no contexto universitário seguido de organizações privadas; e foram encontradas citações dos principais autores internacionais, comprovando consonância entre os estudos brasileiros e o “<em>hot topic”</em> internacional.</p> Taiani Correa da Costa, Tanise Parmeggiani da Silva, Luciana Flores Battistella, Fernando do Nascimento Lock Copyright (c) 2022 Práticas de Administração Pública http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/64884 Sun, 27 Feb 2022 00:00:00 -0300 UNEVEN DEVELOPMENT IN GROWTH MODELS OF KEYNESIAN INSPIRATION https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/68614 <p>This article aims to make a systematic presentation of Keynesian-inspired growth models (Neo-Keynesian and Kaldorian Models), focusing on the role of aggregate demand in the analysis of the determinants of uneven development, which means that the focus of the article will be <em>the proximate causes</em> of economic growth in Maddison´s sense (1988) from the perspective of Keynesian Economics. These growth models will be classified into two groups, namely: <em>growth models with limited labor supply</em>, more directly applicable <em>to mature economies</em>; and <em>growth models led by aggregate demand</em>, in which labor supply can be regarded as unlimited or perfectly elastic, thus being more applicable to the case of dual economies in Lewis's sense or in the process of Industrialization. In the case of models with limited supply of labor, the growth rate compatible with a balanced growth path is determined by the natural growth rate, consisting of the sum between the growth of the workforce and the growth of labor productivity. As technological progress is largely embedded in new machinery and equipment, the pace of growth of labor productivity depends critically on the pace of capital accumulation; but the extent to which technical progress is incorporated into the economy depends on the level of the technological gap, which expresses the <em>technological asymmetries</em> between the various economies. In this setting, different levels of <em>technological gap</em> are compatible with different rates of growth of labor productivity along the balanced growth trajectory, thus generating divergences between the growth rates of the countries.</p> José Luis Oreiro, Vitor Dotta, João Pedro Heringer Machado Copyright (c) 2022 Práticas de Administração Pública http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 https://periodicos.ufsm.br/pap/article/view/68614 Sun, 27 Feb 2022 00:00:00 -0300