GREENWASHING NO BRASIL: quando a sustentabilidade ambiental se resume a um rótulo

Marcos Luiz Lovato

Resumo


O presente trabalho aborda o tema do greenwashing, termo utilizado para designar a prática de publicidade que usa o conceito de sustentabilidade ambiental meramente como forma de apelo de mercado. Partindo de uma análise sobre a sociedade pós-moderna centrada no consumismo, é traçada uma relação entre a crise ecológica e o uso da propaganda enganosa “verde” como tática mercantilista. Por fim, será analisado como tem se dado a tentativa de controle desta prática no Brasil, e os princípios jurídicos que podem e devem instrumentalizar a coibição do greenwashing no país.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/198136948257

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2013 Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

REVISTA ELETRÔNICA DO CURSO DE DIREITO DA UFSM - Qualis A1

RECDUFSM  /  ISSN 1981-3694   /  Digital Object Identifier (DOI): 10.5902/19813694  http://periodicos.ufsm.br/revistadireito

Revista Qualis A1 área de Direito /  Classificações de Periódicos Quadriênio 2013-2016 (CAPES)