<b>Trabalho, educação e família: perspectivas para a pessoa com deficiência intelectual<b/>

Autores

  • Fernanda Duarte Rosa Universidade Federal de São Carlos
  • Fátima Elisabeth Denari Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.5902/1984686X4842

Palavras-chave:

Intellectual Disability, Adulthood, Case Study.

Resumo

http://dx.doi.org/10.5902/1984686X4842

 

A realidade vivenciada por pessoas portadoras de deficiências tem se tornado foco de estudos e discussões, principalmente no que diz respeito à sua inclusão e integração social. As leis se colocam a favor de mudanças, no entanto o que vemos na prática ainda está longe de ser um panorama ideal e de real igualdade de oportunidades de inserção. Quando falamos de pessoas com Deficiência Intelectual (DI) em idade adulta, verificamos que se trata de um assunto ainda pouco explorado, porém inserido neste complexo cenário vivenciado por pessoas portadoras de deficiências, um cenário ainda permeado pelo estigma e pela exclusão. A maioria destas pessoas se encontra fora do mercado de trabalho, muitas sendo alocadas no ensino de Jovens e Adultos (EJA) e ainda dependentes de seus familiares. Este estudo visa compreender a realidade vivida por um adulto com DI e sua família, identificando as características de sua rotina, demandas e serviços de apoio existentes. Para isto, este trabalho utilizou como método a análise de conteúdo, com o uso de uma entrevista. Verificou-se nos relatos obtidos que a família estudada se mostra aparentemente dentro do panorama verificado na literatura sobre pessoas portadoras de deficiência, o adulto com DI não se encontra inserido no mercado de trabalho e é totalmente dependente economicamente dos pais, no entanto, existem expectativas futuras otimistas e um olhar positivo para a deficiência, vista como parte do cotidiano e não como uma sobrecarga para a família.

Palavras-chave: Deficiência intelectual; Adulto; Estudo de caso.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Duarte Rosa, Universidade Federal de São Carlos

Terapeuta Ocupacional Formada pela Universidade Federal de São Carlos -UFSCar

Mestre em Engenharia Urbana pelo Programa de Pós Graduação em Engenharia Urbana -UFSCar

Douotoranda do Programa de Pós Graduação em Educação Especial-UFSCar

Fátima Elisabeth Denari, Universidade Federal de São Carlos

Professora Doutora associada junto ao Departamento de Psicologia e professor e orientador de mestrado e doutorado junto ao Programa de Pós Graduação em Educação Especial, UFSCar.

Downloads

Publicado

2012-12-26

Como Citar

Rosa, F. D., & Denari, F. E. (2012). <b>Trabalho, educação e família: perspectivas para a pessoa com deficiência intelectual<b/>. Revista Educação Especial, 26(45), 73–90. https://doi.org/10.5902/1984686X4842

Edição

Seção

Artigos – Demanda contínua