Reflexões sobre precoces, prodígios, gênios e as altas habilidades, com base na neurociência cognitiva

Miguel Cláudio Moriel Chacon, Carlos Eduardo Paulino

Resumo


Em Educação Especial, altas habilidades designam pessoas que demonstram capacidades, potenciais ou desempenho, em atividades humanas, bem acima da média. Objetivamos, utilizando-se da neurociência, entender os precoces, prodígios, gênios e altas habilidades como resultantes de um processo único das formações da memória. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica, em que as obras foram identificadas, localizadas, compiladas, fichadas e analisadas. O material foi localizado a partir de palavras-chave em bases de dados. Para a compilação, foram utilizados, como critério de inclusão, a intersecção dos unitermos adotados, bem como os trabalhos de pesquisadores da educação, psicologia e neurociência, publicados entre 1966 e 2009. Analisamos qualitativamente 40 referências, sendo 18 artigos e 22 outros textos. A trajetória de análise foi desenvolvida tendo a questão norteadora: há necessidade de se explicar diferentemente os precoces, prodígios, gênios e as AH? Chegamos a três proposições lógicas. Procuramos demonstrar, por meio desse exercício lógico, que não haveria necessidade de se explicar diferentemente os precoces, prodígios, gênios e as AH, mas concluímos que há necessidade de tais diferenciações, mesmo dentro da área da neurociência, no entanto, a demonstração acima aponta para a teoria de Renzulli como válida para gênios e AH, com ressalvas para precoces e prodígios, que merecem um olhar mais aprofundado.


Palavras-chave: Altas habilidades. Memória. Neurociência cognitiva. Neurotransmissores.

Palavras-chave


Gifted; Memory; Cognitive neuroscience; Neurotransmitters.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/1984686X2686

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoespecial.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/educacaoespecial

 

ISSN eletrônico: 1984-686X

DOIhttp://dx.doi.org/10.5902/1984686X

Qualis/Capes: Educação A2

Periodicidade: Publicação contínua

O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

A Revista Educação Especial agradece auxílio recebido por meio do Edital Pró-Revistas, da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa, da Universidade Federal de Santa Maria. 

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0)

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

__________________________________________________