Políticas públicas educacionais no rio grande do sul: Indicadores para discussão e análise na área das Altas Habilidades/Superdotação

Nara Joyce Wellausen Vieira

Resumo


No presente artigo são discutidas e analisadas as ações de implantação da proposta de política pública educacional no Rio Grande do Sul, com base nos indicadores formulados por Rosângela Prieto (2001, 2002, 2003): Diretrizes Legais; Concepção Teórica; Organização e Funcionamento do Ensino; Gestão do Sistema de Ensino; Financiamentos na Área da Educação e Condições de Trabalho do Professor. Destaca-se, ao final, um novo paradigma de educação especial e a importância da proposição de políticas públicas que considerem esse modelo, assim como é assinalada a importância da articulação intersecretarias para que as ações de política pública se fortaleçam.



Palavras-chave: Educação Especial. Políticas Públicas. Altas Habilidades/Superdotação

 


Palavras-chave


Special Education; Public Policies; High Abilities/Giftedness.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1984686X1443

CONTATO:

E-mail: revistaeducacaoespecial.ufsm@gmail.com

Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Centro de Educação - Lapedoc
Av. Roraima, 1000 - Cidade Universitária
97105-900 - Santa Maria - RS, Brasil.
Telefone: +55 55 3220 8795

Link: https://periodicos.ufsm.br/educacaoespecial

 

ISSN eletrônico: 1984-686X

DOIhttp://dx.doi.org/10.5902/1984686X

Qualis/Capes: Educação A2

 

 

Periodicidade – Publicação contínua


O recebimento de artigos caracteriza-se por fluxo contínuo sem que seja possível prever a data de sua publicação.

 

 Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0)

Contador de visitas
click counter
Contador de visitas

Acessos a partir de 30/11/2016

____________________________________________________