Influência do branqueamento com ozônio e peróxido de hidrogênio no rendimento e qualidade de fibras secundárias.

Gustavo Ventorim, Jorge L. Colodette

Resumo


Nesse estudo, foram avaliadas seqüências "Total Chlorine Free" (TCF) para o branqueamento de fibras secundárias provenientes de três fontes diferentes. As polpas foram branqueadas a um nível mínimo de alvura de 78% ISO, sendo que a quantidade necessária de reagentes e as suas principais propriedades foram avaliadas. A utilização do ozônio mostrou-se eficiente no branqueamento TCF, pois permitiu alcançar a alvura objetivo nos três tipos de polpas, por meio das seqüências (ZQ)P e (ZQ)(PO). As letras apresentadas nas seqüências de branqueamento possuem os seguintes significados: os estágios de ozônio, Z, seguido de uma quelação, Q, e um simples estágio de peróxido, P, ou um estágio de peróxido pressurizado com oxigênio (PO). E também reduziu significativamente a coordenada de cor b* e ligeiramente a fluorescência das polpas. Os resultados de rendimento para os processos avaliados nesse estudo foram afetados negativamente por estágios alcalinos, como oxigênio, O, P e (PO), em altas temperaturas e também pela origem das polpas de fibras secundárias.


Palavras-chave


fibras secundárias; processos de branqueamento (TCF)

Texto completo:

PDF

Referências


CANADIAN PULP AND PAPER ASSOCIATION (CPPA). Technical section standard test methods. Montreal, 1986.

COLODETTE, J.L. et al. Factors affecting kraft pulp bleachability with oxygen derived chemicals. In: NON-CHLORINE BLEACHING CONFERENCE, 1996, Orlando. Anais... Orlando: s.n., 1996. 20p.

D’ALMEIDA, M.L.; CAHEN, R. Reciclagem de papel. O Papel, São Paulo, v.52, n.11, p. 131-135, 1991.

DALTON, A. I. AIR PRODUCTS AND CHEMICALS. Aperfeiçoamento na deslignificação de fibra contendo lignocelulose. Int. CI4 D21C 9/14. BRn. PI 9004674 A. 19 set. 1990; 10 set. 1991.

Kraft, P. In: MCDONALD, R.G. (Ed.). Pulp & paper manufacture. 2nd ed. New York : McGraw-Hill Book Company, 1967. p. 628-725

NADDEO, R.C; DALTON, A.I. AIR PRODUCTS AND CHEMICALS. Processo de descoramento e alvejamento de polpa compreendendo fibra celulósica secundária. Int. CI4 D21C 9/14. BRn. PI 9004623 A. 17 set. 1990; 10 set. 1991.

NADDEO, R.C.; HRISTOFAS, K. ; MAGNOTTA, V.L. AIR PRODUCTS AND CHEMICALS. Oxygen color stripping in secondary fibers recovery. Int. CI5 D21C 5/02. BRn. PI 9201920 A. 21 maio 1992; 5 jan. 1993a.

NADDEO, R.C.; HRISTOFAS, K. ; MAGNOTTA, V.L. AIR PRODUCTS AND CHEMICALS. Dye removal in oxygen color stripping of secondary fibers. Int. CI5 D21C 5/02. USn.5,211,809. 21 May 1991; 18 May 1993b.

NADDEO, R.C.; HRISTOFAS, K. ; MAGNOTTA, V.L. AIR PRODUCTS AND CHEMICALS. Dye stripping by oxygen and peroxide in secondary fiber recovery. Int. CI5 D21C 5/02. USn. 5,324,390. 2 Mar. 1993; 28 June 1994a.

NADDEO, R.C.; HRISTOFAS, K. ; MAGNOTTA, V.L. AIR PRODUCTS AND CHEMICALS. Dye stripping by oxygen in secondary fiber recovery. Int. CI5 D21C 5/02. USn. 5,324,390. 3 Mar. 1993; 26 Jul. 1994b.

NADDEO, R.C. et al. Oxidative methods offer alternative to chlorine bleaching of wasterpper. Pulp and Paper, Atlanta, v.66, n.11, p. 71-81,1992.

PATT, R. et al. New approaches in bleaching of recycled fibers. Tappi Journal, Atlanta, v.79, n.12, p. 143-151, 1996.

SINGH, R.P. Bleaching . In: HENMILTON, F., LEOPODO, B. (Eds.). Pulp and paper manufacture. 3.ed. Atlanta: Tappi, 1987. v.3, p.234 - 237.

STUS, W.L. Color stripping of recycled wood-free papers using ozone. Kalamazoo, Michigan: Western Michigan University, 1996. 59p. (A Thesis to requirements for the Senior Design PAPR 473 Course).

TECHNICAL ASSOCIATION OF THE PULP AND PAPER INDUSTRY (TAPPI). Test methods. Atlanta, 1998-1999.




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/198050981827