Manejo de Amburana cearenses var. acreana no estado do Acre, Brasil

Evaldo Muñoz Braz, Fabio Thaines, Patrícia Povoa de Mattos, Luis Cláudio Oliveira, Luciano Arruda Ribas, Marcus Vinicio Neves d’Oliveira, Andréia Aparecida Ribeiro Thaines

Resumo


http://dx.doi.org/10.5902/1980509814586

Os objetivos desse trabalho foram: a) analisar a distribuição geográfica e a estrutura populacional de Amburana cearensis var. acreana; b) calcular taxas de corte sustentáveis baseado em ciclos de corte estipulados e c) simular a recuperação potencial em volume baseado na taxa de corte calculada. Foram usados dados de planos de manejo florestal sustentável, e os resultados contribuirão para as tomadas de decisão futuras sobre sua condição de espécie ameaçada. Os resultados não corroboram a informação de que a Amburana cearensis var. acreana está ameaçada no Estado do Acre. Entretanto, o manejo sustentável dessa espécie só será possível se for considerada a estrutura para a população remanescente ideal e a estimativa da taxa ótima de corte, considerando o ciclo de corte vigente.

 


Palavras-chave


manejo florestal; ciclo de corte sustentável; taxa de corte sustentável.

Texto completo:

PDF

Referências


ACRE, Governo do Estado do Acre. Política de Valorização do Ativo Ambiental Florestal. Rio Branco: SEMA, 2008. 354 p. Apresentação – Versão Curta.

ACRE, Governo do Estado do Acre. Programa Estadual de Zoneamento Ecológico-Econômico do Estado do Acre. Zoneamento Ecológico-Econômico do Acre Fase II: documento síntese – Escala 1:250.000. Rio Branco: SEMA, 2006. 354 p.

ACRE. Secretaria de Estado de Planejamento. Acre em números 2009. In: ACRE. Governo do Estado. Portal de Informações do Governo do Estado do Acre. Rio Branco, 2010. 181 p. Disponível em: . Acesso em: 1 jun., 2010.

ALDER, D. Growth Modelling for Mixed Tropical Forests. Oxford: Oxford Forestry Institute, 1995. 231 p. (Tropical Forestry Papers, n. 30).

BRASIL. Instrução Normativa nº 6, de 23 de setembro de 2008. Diário Oficial da União, Brasília, DF, n. 185, 24 set. 2008. Seção 1, p. 75-83, 2008.

AMARO, M. A. Análise da participação da Seringueira (Hevea brasiliensis), Castanheira (Bertholletia excelsa) e das principais espécies madeireiras na estrutura da floresta, no trecho Rio Branco-Cruzeiro do Sul (AC) da BR 364. 1996. 78 f. Dissertação (mestrado) - INPA/FUA. Manaus. 1996.

BRAZ, E. M. et al. Taxa de corte sustentável para manejo das florestas tropicais. Ciência Florestal, Santa Maria, v. 22, n. 1, p. 137-145, jan./mar. 2012.

BRAZ, E. M. et al. Otimização da distribuição diamétrica remanescente da espécie Cedrela odorata no estado do Acre, visando o novo ciclo. In: SIMPÓSIO LATINO-AMERICANO SOBRE MANEJO FLORESTAL, 5., 2011, Santa Maria. Sustentabilidade florestal: [anais]. Santa Maria: UFSM, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal, 2011, p. 183-193.

BRIENEN, R. J. W.; ZUIDEMA, P. A. The use of tree rings in tropical forest management: Projecting timber yields of four Bolivian tree species. Forest Ecology and Management, v. 226, p. 256–267, 2006.

CAMARGO, J. A. A. et al. Catálogo de árvores do Brasil. Brasília: IBAMA, Laboratório de Produtos Florestais, 1996. 887 p.

CARVALHO, P. E. R. Espécies arbóreas brasileiras. Brasília, DF: Embrapa Florestas, 2006. p 173-179. (Coleção Espécies Arbóreas Brasileiras, v. 2).

FUNTAC – Fundação de Tecnologia do Acre. Inventário florestal e plano de manejo em regime de rendimento sustentado do Seringal Nova Olinda. Rio Branco: 167p. 1992a. (Relatório Técnico).

FUNTAC – Fundação de Tecnologia do Acre. Inventário florestal da área de influência direta da BR-364 no trecho Rio Branco – Cruzeiro do Sul – Fronteira com o Peru. Rio Branco: Funtac, 97 p. 1992b.

FUNTAC – Fundação de Tecnologia do Acre. Manejo florestal sustentável da produção de uso múltiplo da reserva São Luiz do Remanso. Rio Branco: Funtac. 1997. (Projeto ATN/TF – 3934 – BR/BID Apoio às Reservas Extrativistas do Estado do Acre).

FUNTAC – Fundação de Tecnologia do Acre. Inventário do potencial florestal. Zoneamento Econômico-Ecológico. Rio Branco: Funtac, 162 p. 1999. v.1

MOBOT. Missouri Botanical Garden. Tropicos - Acervo virtual. Amburana cearensis var. acreana (Ducke) J.F. Macbr. http://www.tropicos.org/Name/13068595. Visitado em junho de 2009. 2009.

O’HARA, K.L. Silviculture for structure diversity: a new look at multiage systems. Journal of Forestry, v. 96, p. 4-10, 1998.

OLIVEIRA, M. V. N. d’, SANT’ANNA, H. Inventário florestal e avaliação do avanço do desmatamento no Projeto de Colonização Pedro Peixoto. Rio Branco, AC: Embrapa Acre, 47 p. 2003. (Embrapa Acre. Documentos, 83).

SCHNEIDER, P. R.; FINGER, C. A. G. Manejo Sustentado de Florestas Inequiâneas Heterogêneas. Santa Maria: Universidade Federal de Santa Maria. Departamento de Ciências Florestais, 2000.

THAINES, A. A. R. Inventário florestal diagnóstico. Associação Agroextrativista São José - PAE Porto Dias. Rio Branco, 2008. 54 p. (Relatório Técnico).




DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1980509814586