MOTIVAÇÃO PROFISSIONAL: UM INDICADOR DE QUALIDADE DE VIDA

Antonio Cezar Costenaro, Jaime Peixoto Stecca

Resumo


A motivação para o trabalho é um aspecto que interfere no processo derelações humanas, produtividade e qualidade de vida. Portanto, este trabalhotem como objetivo geral, relatar e discutir a vivência das relações humanas, aqualidade de vida entre os colaboradores e a atuação do profissional de umadministrador numa instituição hospitalar filantrópica de Santa Maria. Objetivosespecíficos são conhecer as formas de motivação profissional, saber sobre osindicadores de qualidade de vida e verificar como um grupo de funcionáriosconsidera o relacionamento interpessoal entre colegas de trabalho e seussuperiores. Para tal, foi realizado uma pesquisa descritiva exploratória, cujaamostra constou de 102 colaboradores, distribuídos entre três segmentosprofissionais de uma instituição hospitalar filantrópica em Santa Maria-RS. Osdados foram coletados através de um questionário com 18 questões, duranteos meses de maio, junho e julho/2002, e mostraram como os profissionaisrecebem incentivos para desempenhar suas atividades e como recebemelogios e críticas construtivas, impulsionando-os para melhorar cada vez maissuas atividades profissionais. A maioria dos funcionários emite opiniões sobreas tarefas que são desenvolvidas e demonstram sentirem-se muito bem naorganização. Conclui-se que a evolução de uma organização pode estarintimamente relacionada com o crescimento das forças de trabalho que aconduz. Para tanto, o reconhecimento do potencial humano em suas relaçõesafetivas e emocionais são primordiais na integração da equipe e nocomprometimento de cada um no trabalho que realiza, e com isso manter atransformação organizacional numa ascensão, proporcionando resultados degrande valia para todos.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5902/198109465894

Apontamentos

  • Não há apontamentos.